Clipping Destaques Publicidade Viagem

Advanced Bionics e Crônicas da Surdez

A data de hoje marca o início de uma parceria bacana entre o Crônicas da Surdez e a Advanced Bionicsque assume a posição de anunciante premium no CS. Vocês notarão a presença do banner lateral, a página Implante Coclear passa a ter conteúdo da marca e todo mês contaremos a história de um usuário da Avanced Bionics. Assim, quem já é usuário ou quem está pretendendo se tornar um pode ficar por dentro de todas as novidades e lançamentos e, o mais importante, passar a conhecer a AB mais a fundo a partir dos depoimentos reais de pessoas que usam o implante coclear Naída Q70. Papo de usuário para usuário, como a gente gosta e confia! 🙂

Tanto vocês quanto a AB sabem que não sou usuária do Naída. Levando esse fato em conta, quando ficaram sabendo de uma viagem minha aos EUA, eles me fizeram um convite irrecusável para poder aprender ao vivo e a cores tudo o que envolve a tecnologia e os produtos da marca americana: conhecer o quartel-general da Advanced Bionics na Califórnia, Estados Unidos. Vou fazer um tour guiado pela fábrica com a coordenadora de marketing (imaginem a felicidade da criança aqui por poder encarar essa aventura sozinha em inglês!), conhecer usuários do Naída Q90 e levarei as dúvidas de vocês até lá. Como assim? Deixem nos comentários deste post suas perguntas sobre o IC e os acessórios da AB que prometo trazer todas as respostas depois desse encontro com o time americano.

Estou super ansiosa, óbvio! Farei esse enorme ‘sacrifício‘ em nome do compromisso de compartilhar sempre o maior número de informações e possibilidades a respeito de tudo o que envolve o tecnológico e incrível mundo do implante coclear. Obrigada AB pela confiança e, o que mais me deixou lisonjeada, obrigada por não me enxergarem como ‘usuária de IC de marca concorrente‘ mas sim como alguém com expertise no assunto que se comunica com um público fiel há 6 anos e espalha informação sobre reabilitação auditiva aos quatro ventos. Minha missão é ajudar o máximo de pessoas que eu puder a conseguir qualidade de vida com reabilitação auditiva – sou apaixonada por isso e me emociono sempre. Só queria que meu dia tivesse 48 horas para dar conta do recado…

Minha curiosidade  e interesse sobre o Naída começaram depois que uma grande amiga minha decidiu fazer e me explicou os seus motivos, me fazendo ficar particularmente encantada pelo microfone à prova d’água, o T-Mic para atender o telefone e o AquaCase. Em breve vou ter que fazer um post com ela para vocês entenderem, a criatura é fera (oi, Ju!). Depois comecei a participar de grupos americanos de usuários de IC no Facebook e neles muitas pessoas falavam que a experiência dos usuários do Naída com música é sensacional. No post sobre minha decisão pelo IC bilateral contei isso, aliás.

Semanas atrás escrevi sobre ‘Como escolher uma marca de implante coclear‘ e reafirmo o que disse sobre a responsabilidade da escolha, já que é um casamento sem direito a divórcio. Portanto, é impossível não estar honrada pelo fato do Crônicas ter sido escolhido para a missão de fazer com que mais candidatos ao IC tenham acesso às experiências de usuários do Naída. Espero estar à altura do desafio!

Conto com vocês com perguntas, dúvidas, indicação de usuários AB que queiram dar depoimentos, sugestões e tudo aquilo que acharem pertinente. O que a Advanced Bionics quer é se aproximar dos leitores do Crônicas da Surdez! Ah, e como quem avisa amigo é, fica uma dica preciosa: curtam a FanPage da AB que logo eles começarão uma promoção difere nte por mês envolvendo descontões em peças e produtos! 😉

PS: quem usa AB no Brasil certamente já ouviu falar da Renata Orsi, que tem um resultado fantástico com o Naída e é uma pessoa muito generosa que dedica boas horas do seu dia tirando dúvidas e ajudando sobre o assunto IC. Quero deixar registrado aqui o convite para que a Rê seja a primeira pessoa a compartilhar suas vivências na série de posts AB no Crônicas. <3

31 amaram.

Sobre a Autora

Paula Pfeifer Moreira

Escrevo o Crônicas da Surdez desde 2010, e também escrevo o blog Sweetest Person desde 2007. Sou bacharel em Ciências Sociais pela UFSM, escritora e empresária. Moro no Rio de Janeiro e tenho 34 anos. Meu diagnóstico é de deficiência auditiva bilateral neurossensorial e progressiva. Tenho Implante Coclear nos dois ouvidos. Em 2013 lancei o livro Crônicas da Surdez (Ed. Plexus) e em 2015, Novas Crônicas da Surdez: epifanias do implante coclear (Ed. Plexus), que já foi traduzido para o inglês.

12 Comentários

  • Ola preciso de ajuda sou uma mae de um bb de 1 ano e 3 meses desde q ele tinha 6 meses vou a bauru ele ta aguardando a cirurgia de IC so q la ta c falta de protese infantil desde maio n chega n liberam os pregões e conversei c o medico do meu filho ele falou pra gente tentar a liberacao pelo plano de saude q é o santa casa e na guia ta o aparelho do AB estou c medo de ser a melhor escolha pois eu queria da mendel meu filho nasceu c surdez profunda cujo a causa é desconhecida desde q ele nasceu estou nesse novo universo e quero o melhor pra ele como toda mae por favor me responda sera q esse aparelho é bom pra ele? N entendo mas fiquei meio assim pq ele tem 16 par de eletrodos e eu pensei q 22 seria melhor n é? Como funciona? Obrigada

  • Olá, Paula,
    Acompanho sempre as suas cronicas.
    Sou usuária de IC AB QI 70, com.ativação há 2 anos, fazendo, desde então, sessões fonoaudiologicas, porém, a queståo da compreensåo da fala é que, fica à desejar.
    Gostaria de saber se há, acessórios para conectar a esse modelo que me faça ter as falas compreendidas, de televisão, telefone, música, teatro até o cinema nacional, ouço a voz, o entendimento, nada!
    Com isso me sinto isolada, pois, não tenho a audição esperada.
    Gostaria, também, de receber email de implantados, para trocarmos dicas de como “sobreviver” a nossa labuta, e se houver, encontros para tirarmos dúvidas.
    Um grande abraço,
    Tania Moura

  • Ai Paula, agora sim, abri outro post e tá bem do lado aqui, “meus livros”. Visão também não tá ajudando …

  • Obrigado Paula! Eu sabia, eu vi aqui as fotos dele contigo após o implante. Eu fiquei impressionado com ele. Perguntei-lhe quais seriam os resultados do IC, ele se limitou a dizer que eu melhoraria a minha leitura labial e que não chegaria ao fim do dia em exaustão por tentar entender o que as pessoas falam. E depois eu fui pesquisar sobre o IC, claro que muitas coisas, relatos e entrevistas aqui no Crônicas, e vi que o implante é capaz de dar muito mais que isso. Não é comum encontrar médicos de caráter como o dele. E parabéns, de novo, a você, por este trabalho ! Quanto aos livros, sabia do livro, e não dos, falta lê-los, pois aqui no Cronicas eu acho que já li tudo.

  • Estou esperando um Dossiê do Dr Lavinsky para dar entrada no Plano de Saúde. Estava decidido pelo Nucleous, e por sorte após ler um comentário de um leitor aqui no “qual marca de implante escolher” fiquei curioso pelo Naída. Quando entrei no site da empresa e vi o AquaCase eu tive que repensar na minha decisão. Parabéns Paula , o Crônicas da Surdez é tudo de bom ! Quando o Dr Lavisnky disse que a única escapatória no momento seria o IC eu fiquei abalado por um tempo, mesmo tendo o apoio de toda minha família. Mas o Crônicas me ajudou muito. Deixei de lado a vergonha de usar meus ASSI e ver tantas pessoas contentes com o IC me preparam na minha decisão. Aliás, não moro mais no RS, mas fui parar no Doutor Luiz por indicação de uma tia minha de Porto Alegre, que me “obrigou” a consultar com ele, por que uma amiga da minha da minha prima Thaís, que também morava em Santa Maria, agora estava ouvindo tudo. Acho que essa amiga dela é você.

  • Ai adorei. Meu médico solicitou o AB para meu caso, ele achou que será útil. Eu não pedi essa marca, mas já a conhecia e era apaixonada e foi uma grande surpresa quando ele me ofereceu essa marca, meio que empurrando. O implante do AB tem 16 eletrodos e deixa uma audição residual e disso eu não sabia ?. Eu ainda estou no aguardo para que meu plano libere a marca (rezando por isso ?). Eu tenho uma vida ativa, corro, nado e ando de bike, então caso tudo der certo, minha cirurgia é dia 27 de julho e caso tudo sair como o meu coração quer, AB vai cair como luva na minha vida. Coincidência ou não, não sei rsrs. Bjs!!

  • Fiz o IC com a marca AB. Gostei bastante da proposta deles e pelo fato do T-Mic ser bastante útil pra atender ligações e também pela antena também possuir microfone. Tô no aguardo da minha ativação dia 19! Acho que foi uma decisão acertada. Tinha ficado em dúvida entre a AB e a Cochlear (pelo fato de vc e Lak usarem a marca e acabava que eu tinha mais informações dela), mas quando o médico me falou das vantagens, acabei optando pela AB. Quem sabe logo logo eu esteja contando minhas experiências aqui. Bju Paulinha.

Deixe seu comentário