Navegue por cateforias

Publicidade

Aparelhos Auditivos, Publicidade, Reabilitação auditiva

Ouvir música com aparelhos auditivos Signia emociona Tom Zé

12/04/2017

Tom Zé se emociona ao voltar a ouvir os sabiás e os agudos das orquestras Antonio José Santana Martins gosta de dizer que passou a sua infância na Idade Média, numa cidade da Bahia chamada Irará, pobre de recursos e população praticamente analfabeta. Apesar do início pobre, Tom Zé conquistou o mundo com seus experimentos musicais e suas canções carregadas de humor e engajamento. Cantor, compositor, multi-instrumentalista, é um dos artistas mais irreverentes do cenário cultural brasileiro. No auge da sua carreira, na mesma década em que lançou o álbum em que criticava a ditadura e que o projetaria internacionalmente anos depois, seus ouvidos deram o primeiro sinal de perda auditiva. “Nos anos 1970, depois de vários carnavais seguidos em que eu ficava bem perto da percussão, acordei, certa noite, de um pesadelo, com a sensação de ouvir um barulho semelhante ao timbau, que ficou soando demoradamente em meu ouvido”,…

Leia Mais...

Advanced Bionics, Histórias dos Leitores, Implante Coclear, Publicidade

Usuário AB: Maria Cecilia

09/04/2017

Meu nome é Maria Cecilia Couri. Brasileira, carioca da gema. Eu nasci filha única e ouvinte. Infância feliz, de  família grande e libanesa. Até corda de relógio eu escutava. Lembro que aos quinze anos tive hepatite e comecei a ouvir uns zumbidos  que pareciam uma cigarra cantando. Com o tempo, os zumbidos se foram  e continuei ouvindo todos os sons normalmente. Fiz faculdade de comunicação social, depois me tornei bacharel em direito, me casei, tive duas filhas e me separei. Aos trinta anos, período da transição entre o casamento e a separação,  comecei a perceber que não ouvia mais a música ambiente e isso me levou a consultar o Dr. Martinho da Rocha que, diante dos  exames realizados aqui e no  exterior,  confirmou o diagnóstico de  otosclerose coclear bilateral idiopática. Inoperável e progressiva. Eu engoli aquilo, como se fosse um homem e prossegui. Comecei a usar AASI bilateral.  Não tive…

Leia Mais...

Advanced Bionics, Implante Coclear, Publicidade

Usuário AB: Fernanda

06/03/2017

“Meu nome é Fernanda e sou de Vila Velha-ES. Tenho 22 anos e nasci com surdez neurosensorial profunda em ambos os ouvidos devido a fatores genéticos. Lembro que quando era criança, viajava muito para são Paulo pra fazer séries de exames para o implante coclear, mas como na época o IC não era tão simples como hoje em dia, os médicos não quiseram arriscar me operar – eu estava desenvolvendo a fala muito bem somente com os aparelhos auditivos. Os anos foram passando e as dificuldades foram aparecendo. Quando completei meus 18 anos e entrei na faculdade de Engenharia Aeroespacial em Belo Horizonte, percebi que a surdez dificultava o meu aprendizado. Porém isso nunca foi uma desculpa para mim! Sempre corri atrás dos meus objetivos pois sei que quando quero eu consigo. E minha mãe insistia para eu fazer o Implante Coclear, porém nunca dei importância pois achei que estava…

Leia Mais...

Aparelhos Auditivos, Publicidade

Cellion: o aparelho auditivo com baterias internas recarregáveis

13/02/2017

Os usuários de aparelhos auditivos esperam uma coisa de seu aparelho acima de todas as outras: poder escutar e entender claramente as pessoas e o que está acontecendo à sua volta. Melhor ainda se o aparelho for simples de usar. Isso acontece com os novos aparelhos auditivos Cellion da Signia: eles não só possuem as últimas tecnologias que possibilitam uma audição sem esforço, como também são os primeiros aparelhos auditivos com baterias de íons de lítio carregadas por indução – sem fio e sem campos de contato. Isso não só facilita o uso, mas também dispensa a troca constante de baterias e ainda preserva o meio ambiente. Já imaginou não precisar trocar as baterias dos seus aparelhos auditivos? “Comprar novas baterias” é um lembrete que muitos usuários de aparelhos auditivos colocam na agenda. Dependendo da intensidade do uso, as pequenas pilhas devem ser substituídas em média a cada duas semanas…

Leia Mais...