Histórias dos Leitores

Compartilhar é o caminho

Todos os dias recebo pelo menos um email emocionante de leitores do Crônicas contando que se sentiram ajudados, de alguma maneira, lendo os posts!

Adorei o seu blog! Suas histórias e as dos leitores são exatamente iguais às que já passei na vida, de enfrentar as dificuldades, lidar com pessoas e até situações embaraçosas e engraçadas! Sou surda de nascença e passei a usar o aparelho AASI aos 2 anos de idade nos dois ouvidos. Com o passar do tempo, passei a usar um só porque a minha perda da audição no lado direito era profunda e atrapalhava a audição no lado esquerdo, com perda moderada. Mas convivo legal com um só aparelho. Já tive os meus tempos de negação, de isolamento, as neuras com as pessoas no convívio social e tudo o mais que já disseram no seu blog.

Achei muito legal isso porque pessoalmente não conheço ninguém que também seja surdo como eu, e por muito tempo achei que era a única pessoa do mundo assim! Felizmente existe a internet (tecnologia maravilhosa essa!), então pude ler os relatos das pessoas na mesma condição.  Curti seu blog mesmo porque ele me deu inspiração e pude aceitar  quem eu sou, que a surdez faz parte da minha vida e que não era vergonha alguma de falar sobre isso.

Dias atrás, uma amiga da faculdade disse que  tenho vantagens com a minha surdez: posso selecionar pessoas, quem são boas pessoas e quem são as ruins. Tem gente que é muito ignorante e inventa qualquer desculpinha esfarrapada para não ter que falar ou conversar comigo – não merecem a minha consideração. Aí, posso conviver  somente com pessoas boas, que me querem bem!

Foi só com o seu blog e com outras pessoas que consegui ajuda pra caramba para lidar melhor com isso! Te parabenizo pela sua iniciativa de compartilhar com a gente! =)

Beijos e até “

🙂

8 amaram.

Sobre a Autora

Paula Pfeifer Moreira

Escrevo o Crônicas da Surdez desde 2010. Sou bacharel em Ciências Sociais pela UFSM, escritora e empresária. Moro no Rio de Janeiro e tenho 36 anos. Meu diagnóstico é de deficiência auditiva bilateral neurossensorial e progressiva. Tenho Implante Coclear nos dois ouvidos. Em 2013 lancei o livro Crônicas da Surdez (Ed. Plexus) e em 2015, Novas Crônicas da Surdez: epifanias do implante coclear (Ed. Plexus), que já foi traduzido para o inglês.

4 Comentários

  • […] pra você, que com o seu blog e livros, já ajudou muito a Mariana. Inclusive ela me mostrou um post que ela escreveu no Crônicas da Surdez. Espero que você continue com esse seu trabalho maravilhoso que ajuda muitas pessoas, tanto […]

  • Oi Paula, tudo bom? Estou numa faze ruim, ando querendo me isolar o mais que posso, não tenho vontade de sair e qdo saio sempre me arrependo, pois se aumento o volume para escutar e entender o que falam fico logo irritada e com a cabeça cansada, chego a sentir mais tontura e Zumbido.
    às vezes fico pensando que é o aparelho que não é bom, mas tenho confiança na minha fono e acho que ela não iria colocar um aparelho que não fosse potente o suficiente, é que faz uns dois meses que coloquei o retro no ouvido esquerdo( lembra que eu estava com um retro no direito e intra no esquerdo?) Então, vc acha que ainda é cedo para eu estar com os aparelhos bem regulados? às vezes fico com sómente o esquerdo e tenho a impressão de ouvir melhor do que com os dois( sei que tenho perdas diferentes nos ouvidos sendo que a do direito sempre foi maior.E o Zumbido tbem é muito mais do lado direito( tenho doença de meniere) Vc sabe alguma coisa em especial desta doença? Ando meio desanimada, se souber algo me escreva, desde já obrigada.Gde Beijo

  • Paula,

    Engraçado, a minha situação é beeeem igual à dessa leitora. Geralmente, me viro bem nestas circunstâncias…de qualquer tipo! rs.
    Parabéms, Paula, pelo seu blog, que conitnue assim! Que seja visto por muita gente.
    Beijos.
    Simone.

  • Paula, só vim aqui te agradecer a leitura.
    Venho aqui a cada dia que surge um post novo, como se fosse um mundo “desconhecido” aberto pra eu ver de perto: histórias reais, situações, sentimentos..
    Sempre tive muita curiosidade com mundos que desconheço, como surdez, cegueira, portadores de cadeira de rodas, enfim.
    Encontrei aqui um blog maravilhoso (além do sweetest que leio faz mto tempo) para tirar todas as minhas duvidas e posso te dar certeza que mudei e muito(para melhor!) minha concepção sobre a surdez.
    Obrigada, beijos.

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.