Acessibilidade Crônicas da Surdez Deficiência Auditiva

Dicas para aprender inglês: especial para surdos

Foto: Shutterstock

Meu sonho de adolescente com deficiência auditiva era aprender inglês. Minha experiência é ter feito um curso de inglês britânico nesta época (fiz de francês também) só que naquela época minha audição já ia de mal a pior e eu não queria nem saber de usar aparelho auditivo.

Resultado: minha pronúncia sempre foi o meu ponto fraco, e só depois de voltar a ouvir com o IC é que comecei a corrigir isso. Reforcei meu aprendizado com um hobby que eu adorava, o de comprar a revista Seventeen e passar tardes inteiras traduzindo todas as páginas. Além disso, ouvia muita música enquanto acompanhava as letras e sempre fui viciada em seriados americanos – assistia os episódios com fone de ouvido ou TV no último volume sempre de olho nas legendas e nas bocas dos personagens.

Foi assim que aprendi a ler lábios em inglês. Quando a gente não ouve, esforço e atenção redobradas é que nos salvam. Mas tem que querer!! Eu morria de vontade de aprender inglês, e foi isso o que me motivou.

Hoje, aproveito qualquer oportunidade que tiver para treinar a minha pronúncia conversando com as pessoas e não sinto vergonha de errar alguma palavra ou várias. Ninguém nasce sabendo tudo, e o aprendizado de outros idiomas tem tudo a ver com audição, esse detalhezinho no qual somos desfavorecidos.

Pontos fracos?

Se a pronúncia e a escuta são um ponto fraco, então vamos transformar a leitura e a escrita em pontos fortes. O importante é não desistir, porque hoje em dia dominar outras línguas é requisito básico para ter sucesso na vida profissional!

keep_calm_and_speak_english_by_boog2117-d5cvl2g

 

A leitora Fabiana Bueno mandou preciosas dicas para quem tem deficiência auditiva e quer aprender ou melhorar o seu inglês! Vocês vão adorar, tenho certeza.

Dicas para aprender inglês: especial para surdos

  • Duolingo (aplicativo, disponível na Apple Store e acredito que no Play store também): Ele ajuda demais na pronúncia pois você escuta a palavra e depois repete ela para ele te entender!
  • Busuu (acho que só tem na Apple Store, minha irmã procurou na play store e não achou): mesmo estilo do Duolingo, o Busuu também ajuda na pronúncia.

Canais no YouTube:

  • Engvid – Learn English with Ronnie – Definitivamente amo esse canal! Ela é engraçada, fala devagar e é muito divertida! Ela tem vários seguidores brasileiros,tanto que em alguns vídeos ela cita o nosso país. Vários vídeos de gramática,pronuncia e expressões em inglês.
  • Let’s talk– esse canal é de umas meninas indianas mas acreditem o sotaque delas é clean,fácil de entender,e olha que quando eu conversei com indiano eu boiei na maior parte das vezes!
  • Engvid- English lessons with Alex– ele também é canadense e fala meio devagar,tem muito conteúdo interessante.
  • Carina Fragozo- essa menina é o máximo! E quando visitarem o canal dela tenham em mente que ela não é a Wanessa Camargo, pois a aparência e até a voz é beeeemmm parecida. Amo os vídeos dela,são bem interessantes,ela pega no ponto fraco dos estudantes de inglês,tem desde pronuncia,até gramática e mais um milhão de coisas.
  • Meu inglês- ótimo para pronúncia, amo!
  • Cintia disse- ela tem uns vídeos irados com pronúncias de marcas famosas que ninguém sabe pronunciar, gramática e pronúncia em geral

 MAIS DICAS….

  • O iPhone (meu telefone preferido!) tem uma função muito legal que se chama Closed Caption + SDH que permite que as legendas para surdo entrem no YouTube, é só você clicar em legendas quando está assistindo o vídeo… Achei o máximo!
  • Deixar o celular em inglês ajuda a familiarizar com a língua e adquirir conteúdo.

 

Páginas no facebook que eu curto muito:

  • Inglês na ponta língua(também tem canal no YouTube)
  • Inglês para leigos
  • English in Brazil (é o blog da Carina)

 

Na minha opinião aula particular é a melhor maneira de um surdo aprender inglês pois a professora segue meu ritmo e repete um milhão de vezes até eu entender! Também gosto muito do Google Tradutor,uso muito ele para testar minha pronúncia, falo para ver se ele me entende.

Escutar música lendo a letra também ajuda,mas calma tá! Não vai me  pegar um Night Fever do Bee Gees com o Barry Gibb fazendo aquele falsete que não rola! Amo escutar as musicas lentas dos Bee Gees, James Blunt, Abba, Kelly Clarkson, Xtina Aguilera e já apelei até para Britney Spears,acho o inglês dela bem fácil de entender.Gosto muito de Mariah Carey, Celine Dion e Shania Twain mas acho que pra prestar atenção na pronúncia as musicas delas não rola! Não sei, tenho dificuldade para entender o inglês delas. Também gosto de Laura Pausini em Inglês.’

54 amaram.

Sobre a Autora

Paula Pfeifer Moreira

Escrevo o Crônicas da Surdez desde 2010. Sou bacharel em Ciências Sociais pela UFSM, escritora e empresária. Moro no Rio de Janeiro e tenho 36 anos. Meu diagnóstico é de deficiência auditiva bilateral neurossensorial e progressiva. Tenho Implante Coclear nos dois ouvidos. Em 2013 lancei o livro Crônicas da Surdez (Ed. Plexus) e em 2015, Novas Crônicas da Surdez: epifanias do implante coclear (Ed. Plexus), que já foi traduzido para o inglês.

4 Comentários

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.