Menu

Confesso que nunca parei pra prestar atenção à minha voz de surdo. Para mim, ela é normal, dentro do possível. Nunca fiz fonoterapia. Esses dias, publiquei dois vídeos lá no meu outro blog, o Sweetest Person, e fiquei meio chocada com alguns comments odiosos que recebi – e obviamente não aprovei, porque eram ofensas. Pessoas falando que minha voz era horrível, isso e aquilo. Que maldade!

Eis o tal do vídeo:

Pedi para a fonoaudióloga Michele Vargas Garcia escrever um pouco sobre o assunto. A Michele tem conhecimento de causa pois participou ativamente da minha adaptação às próteses auditivas e conhece bem a minha voz:

Sobre a minha voz de surdo

O indivíduo com deficiência auditiva tem grande possibilidade de apresentar desvios do padrão normal de voz. Isso vai ter relação direta com o grau e tipo da perda auditiva. A voz do deficiente auditivo tende a ser mais nasalada (com foco de ressonância no nariz) devido a redução do feedback (da percepção) da própria voz. Isso faz com que a voz fique mais grave (grossa), menos aguda (fina). A qualidade vocal que pode apresentar características como soprosidade, a articulação pode ser imprecisa, a intensidade, ritmo e entonação podem ser inadequados devido à dificuldade de controlar tudo isso, por não se ouvir com precisão. A voz da pessoa com perda de audição fica mais grave, ” parece que sai pelo nariz”.

A voz da Paula seria mais fina e mais aguda se ela não tivesse perda auditiva. A voz fica menos feminina, parecendo um pouco mais agressiva e com menos entonação. A voz da Paula é muito boa pensando no grau e no tempo de perda auditiva que ela possui. Se fôssemos levar em conta o tempo da perda, ela teria muito mais dificuldade articulatória.

Muitas leitoras comentaram que imaginavam minha voz completamente diferente, fininha e mansinha. E aí descubro que tenho a voz do Cid Moreira. Pelamordedeuss!! (pausa para me imaginar apresentando o Jornal Nacional, ou seria o Fantástico?)  🙂

Acho que esse episódio ilustra bem o fato da surdez ser uma deficiência invisível. As pessoas te olham, não vêem nada de errado e presumem que você seja ‘normal’ (aspas porque normal é o conceito mais inútil que existe, creio eu). O impacto social da surdez é que deixa qualquer deficiente auditivo em pânico. Os ‘normais’ se sentem desconfortáveis ao perceber os ‘diferentes’ e os detalhes que os tornam diferentes.

A gente se esforçando para tentar ouvir a própria voz e poder falar, e os outros incomodados com a beleza ou com a feiúra da nossa voz. É por essas e outras que acredito que só dá para ser feliz sendo surdo se você aprende a não levar tudo isso para o lado pessoal. Minha voz é estranha, and so what? Não tenho a voz da Celine Dion ou de alguma atriz delicadinha, vou perder o sono com isso?? Não. Meu foco é sempre no positivo.

Porém, sou de carne e osso. Fiquei bem chocada com algumas grosserias. Inclusive saí perguntando para todas as pessoas próximas se minha voz era tão terrível assim. Até comecei a considerar fazer algumas sessões de fonoterapia para ver como é e se me ajudaria de alguma maneira.

Não sou o tipo de pessoa ‘diferente’ que pára a sua vida na tentativa desesperada de se encaixar e agradar os ‘normais’. Isso, de jeito nenhum. Mas me intriguei com o assunto e vou tentar descobrir o que a fonoterapia poderia fazer de bom por mim. Só para constar, minha voz não me incomoda e nem incomoda as pessoas que convivem comigo.

Se alguém se interessar, encontrei um link muito educativo: “Esclarecendo mitos sobre a deficiência auditiva”.

Sobre

Escrevo o Crônicas da Surdez desde 2010. Sou bacharel em Ciências Sociais pela UFSM, escritora e empresária. Moro no Rio de Janeiro e tenho 38 anos. Meu diagnóstico é de deficiência auditiva bilateral neurossensorial e progressiva. Tenho Implante Coclear nos dois ouvidos. Em 2013 lancei o livro Crônicas da Surdez (Ed. Plexus) e em 2015, Novas Crônicas da Surdez: epifanias do implante coclear (Ed. Plexus), que já foi traduzido para o inglês.

105 Comentários

  • Juci
    06/06/2020 at 12:25 pm

    Paula eu sempre gostei da sua voz desde a primeira vez que a ouvi, e exatamente por ser um pouco mais grave facilita pra que eu entenda (pois tenho perda nos sons agudos) vozes mais agudas é mais difícil de eu entender. Mas sua voz não é tão grave a ponto das pessoas acharem “anormal”, isso é coisa de gente tóxica que não acrescenta em nada na vida da gente, ignore. Minha voz é mais grave tbm em comparação as outras vozes femininas e teve um dia que um idiota ficou me imitando dizendo que minha voz era anasalada, fiz cara de quem levou na brincadeira, mas deu vontade de chorar. Fora que quando vou cantar minha voz sai muito “forte” não sei suavizar, e falo muito alto (eu não percebo é as pessoas que pedem pra eu falar mais baixo) aí eu sei que vou precisar de exercícios pra melhorar essas duas coisas. Quanto a frequência se é grave ou aguda não importa, não é isso que vai definir se uma voz é bela ou não. Não sei de onde esse povo inventou que existe um padrão de beleza pra voz também, aff

    Responder
  • Luana
    28/02/2020 at 10:27 am

    Eu tenho problema de audição esquerdo e eu gosto muito de cantar e eu não consigo soltar a voz e eu queria saber o motivo de não conseguir e escuto no lado direito do ouvido

    Responder
    • Pryscilla Cricio
      04/08/2020 at 3:58 pm

      Olá Luana,

      Tudo bem?

      Venha para o nosso grupo fechado no Facebook com mais de 15.300 pessoas com deficiência auditiva que usam aparelhos ou implantes. Para se tornar membro, é OBRIGATÓRIO responder às 3 perguntas de entrada.

      https://www.facebook.com/groups/CronicasDaSurdez/

      E para receber avisos sobre nossos eventos e cursos, por favor, clique e responda 4 perguntas (leva 30 segundos):

      https://forms.gle/MVnkNxctr1eahqR5A

      Estamos te esperando!

      Abraços,

      Equipe Surdos Que Ouvem

      Responder
  • Vanesa
    21/12/2015 at 7:29 pm

    Gosto do seu modo como escreve. Ser bonita por dentro é ser iluminada com alma pura, e boa de coração.

    Responder
    • Luciano
      14/05/2019 at 11:40 am

      Um conhecido meu é surdo ficou com surdez depois dos 50 anos e ele gosta muito de falar mas coitado, fica horas tentando ler os lábios pra entender o que os outros falam, só que a voz dele era normal, uma voz não muito grossa, depois que ficou surdo sua voz ficou fanha parece um desenho animado de caipira, muito engraçada a voz dele (que Deus me perdoe por ter vontade de rir), foi bom ler seu texto pra saber que a surdez fez isso com a voz dele… Cada pessoa é especial pra Deus do seu jeito parabéns pelo texto e pela pessoa forte que vc é…

      Responder
  • Gilberto Santana
    14/12/2014 at 10:45 am

    Me identifiquei com vc.Voce é mais linda por dentro quanto por fora,ignore a todos os zombadores e continue sendo feliz.

    Responder
  • Cristine
    23/08/2014 at 6:30 pm

    Meu namorado não gosta de falar com as pessoas exatamente por medo do que vão achar de sua voz. Eu não entendo, pq o amo tanto que não consigo achar NADA estranho nele. Acredita que ele tinha medo até de fazer entrevista de emprego por causa da voz? ;( esse post ficou perfeito. Parabéns

    Responder
  • lobao
    12/07/2014 at 1:51 pm

    Feia? Sua voz é linda e a dicção perfeita! Queria que vc ouvisse a minha, aí sim.
    Forte abraço Paula

    Responder
  • Luiz Alberto C. Meirelles
    20/02/2013 at 3:21 pm

    Oi Paula!
    Estava eu a procurar matérias sobre zumbido, pois eles tem me incomodado à noite, e eis que vim bater dentro do seu blog. Ao ler seu artigo sobre sua voz decidi assistir o vídeo e francamente não vi nada anormal. Sua voz é feminina, sua dicção é perfeita e a compreensão do que você pronuncia é total. Traz um tom mais grave sim mas tive uma pessoinha na minha vida que tinha a voz mais grave que a sua e não tinha nenhum grau de deficiência auditiva. Traz também o sotaque sulista, que puxa a voz pra dentro no final das frases, mas ele é claramente distinguível. Hoje namoro uma Pequena que tem perda total esquerda e 75% direita e é desenvolta como ela só, porém tem a voz bem anasalada e algumas vezes incompreensível, não para mim, para algumas pessoas. Penso em fazer algo à respeito, tentar ajudar de alguma forma para que ela não seja exposta à constrangimentos mas tenho receio de tocar no assunto e magoá-la, pois acredito que ela não tenha essa noção.

    Responder
  • Claudiana Sales
    25/09/2012 at 5:36 pm

    Gostei do blog,também tenho problema de adição e me disseram que minha voz era esquisita,na primeira vez que ouvi isto tomei um susto pois pensava que minha voz era igual aos demais, mas resolvi continuar acretitando que não tenho problema com voz,pois isso nunca me atrapalhou no sentido de que deixasse de me comunicar com as pessoas.

    Responder
  • Docelindinha
    06/01/2012 at 12:12 am

    Não esquenta!

    Responder
  • Daniele
    25/11/2011 at 2:30 am

    oiee adorei seu video….Sabe eu nem reparei na sua voz…na verdade achei linda….sabe vc é linda…e só pessoas sem noção pra dizer o contrario de vc ou da sua voz…afff…eu penso que algumas pessoas naum tem cabeça afff…ninguem é igual ninguem…por exemplo eu tenho a voz bem fininha dizem ai que voz linda…mas naum sei se da pra entender minha aparencia nem tem nada a ver com a minha voz….nem uso roupas meiguinhas e coisas do tipo…uso maquiagem bem basica sabe….eu sei apreciar de td naum coloco rotulos em ninguem…nao somos produtos…somos pessoas seres humanos…..amo a minha voz e a sua mais ainda….bjuuuuuuuuuuuuuuu linda

    Responder
  • evelyn
    31/07/2011 at 11:39 pm

    Paula,
    Acabei de conhecer seus blogs e estou adorando. Bom então resolvi fazer meu primeiro comentária neste post, pq realmente não tem nenhum problema com sua voz, é um pouquinho mais anasalada, mas só valorizamos isso pq sei da surdez e que ela sai assim por isso. Se eu ouvisse o video sem saber acho que nem perceberia muito isso. Sinceramente acho uma voz agradavel. É que nem sempre a voz corresponde com a imagem que temos na cabeça, quantas vezes imaginamos totalmente diferente uma pessoa baseado na voz ou ao contrário vemos fotos e ao ouvir pela primeira vez é diferente. São surpresas legais no meu ponto de vista. Acho sua voz forte, tem pessoas que esperam por ser um um blog de beleza, uma voz mais suave e adocicada ( o que por vezes é enjoativo ) mas é gostoso se surprender com uma voz firme e boa de ouvir.
    Parabéns pelos blogs, quero visitar mais vezes. Beijos

    Responder
  • Silvania Dueles
    03/04/2011 at 4:48 pm

    Você não precisa parar pra prestar atenção em sua voz a não ser pra entender o quanto ele é bonita. Tem um tom grave bem charmoso. Acredite: se fosse ouvinte e quisesse ser cantora estaria no grupo de Ivete Sangalo, Simone, Ana Carolina, etc.

    Um abraço…

    Responder
  • Ariane
    20/02/2011 at 9:31 pm

    Sei que estou bem atrasada… mas não pude não comentar… fiquei indignada com esse tipo de gente que se dá ao trabalho de tentar prejudicar os outros!
    Não vi nada de anormal na sua voz… se te ouvisse sem saber só ia dizer ah ta ela é gaúcha… e só!
    Parabéns pelo ótimo blog…

    Abraços

    Responder
  • Lorian
    11/02/2011 at 3:29 am

    Paula,

    Dei uma passadinha hoje por curiosidade neste seu segundo blog, já que não conheço nenhuma pessoa com esta deficiência e preciso dizer que sua voz não tem nada de anormal, pelo contrário, achei suuuper sensual. É feminina e tá longe de parecer a do Cid Moreira. Aliás, a julgar pela sua voz eu jamais iria imaginar que você é surda. Como a fono explicou, pessoas com surdez tendem a ter a ter a voz mais anasalada e, sinceramente, não acho que seja o seu caso. O ser humano sente prazer na crueldade e eu nunca vou entender o porquê. Quando era pequena me chamavam de gorducha, me excluíam…isso durou até a adolescência. Eu sempre me vi assim até que um dia, olhando fotos minhas antigas, fiquei pasma ao perceber que eu nunca fui sequer cheinha! Eu era uma criança normal! Não sei porque me torturavam tanto, pra quê tanta maldade. Acho um pouco arrogante e clichê dizer que era inveja, mas certamente era um dos motivos. Mesmo quando a gente acha que não tem motivo algum pra ser invejada, se sente um nada, tem alguém que quer a nossa ruína. Triste isso. Mas, como uma vez ouvi da personagem da Patricia Travassos na peça “Monstra”, quando alguém tentar te tirar do sério, repita o mantra: ignorei, tá tudo ótimo. Ignorei, tá tudo ótimo.

    Beijos e muito sucesso!

    Responder
  • Mel
    07/02/2011 at 11:56 am

    Oi Paula,

    leio seus dois blogs e gosto especialmente deste. Nunca comentei, mas, mesmo muito atrasada, não aguentei ficar quieta, porque fala sério, né?
    Vi seus vídeos no Sweetest Person e, se não soubesse que você tem deficiência auditiva, continuaria sem saber… sua dicção é perfeita…
    Aliás, com todo o respeito, a voz grave é bem sexy, viu?! Se eu fosse você desencanava de ir na fono pra tentar afinar! 😉
    Eu não tenho deficiência auditiva, mas minha voz é super anasalada e meus amigos vivem tirando sarro de mim por causa disso, me chamando de “Nanny Fine” ou “Janice” (a ex-namorada do Chandler de Friends). Trocava fácil pelo seu vozeirão!
    Flor, você tá ótima, sua voz tá ótima e força na peruca!
    Mesmo se sua voz estivesse horrível, a senhora não tem que se abalar com pessoas que perdem o tempo criticando vozes alheias pela internet! Você é maior que isso e este espaço é prova disso.
    Beijo

    Responder
  • Leticia Yumi
    22/12/2010 at 12:52 pm

    Muitas vezes, não presto atenção no que falo, e ás vezes mas pessoas me pergutam por que eu tinha voz estranha, porque eu falava assim… Até brinco com as pessoas que acho a minha voz é robô ou metade japonês e metada americana! Faço fonoaudiologa… Não sei como se escreve mas… Sério, fiz, e ainda faço, desde que fiz implante coclear. Estou amando esse blog!!!

    Au revoir.

    Responder
  • Mariana Barreto
    28/11/2010 at 7:59 pm

    Paula,
    sinceramente, isso é gente espírito de porco q não tem o que fazer!
    gente desocupada que vê um vídeo com essas paletes enlouquecedoras e vai falar mal da tua voz!
    por acaso toda mulher tem vozinha fina de barbie?! nada a ver…
    bjoss

    Responder
  • Estelis
    18/11/2010 at 4:21 pm

    Faz um tempão que leio o Sweetest person (alias foi por causa de vc que comprei coisas com o “tio coreano”), acho que nunca nem comentei lá, mas resolvi comentar aqui. Como a maioria das pessoas, nunca imaginei que você tivesse deficiência auditiva. Fiquei meio intrigada com o assunto e resolvi ler os seus posts aqui e fiquei bem comovida. Não conheco ninguem com deficiência auditiva, então lendo esses posts, acho que você me mostrou um mundo que era totalmente desconhecido.
    By the way, sua voz não é horrorosa não. Fica tranquila. =)
    Parabens pelos blogs.
    Bjos!

    Responder
  • Danubia
    18/11/2010 at 12:49 am

    Oi Paula!
    Juro pra vc que fiquei ate tonta agora…
    Primeiro pq, sinceramente, qdo vi seu video achei sua voz diferente, como disseram ai em cima, achei tipo voz de “mulherao”…
    Mas nunca na minha vida imaginei que vc tinha algum tipo de deficiencia auditiva. Sinceramente, nao de bola MESMO pra nenhum comentario maldoso, sei que doi muito, mas lembre-se que nosso carinho e amor sao infinitamente maiores!
    E nao deixe de fazer videos, senao a tia coreana vai falir hehehehehe
    Vc me surpreendeu qdo percebi que respondia todos os comentarios.. Tem tanto blog bombadao por ai que nao dao esta atencao, entao realmente fiquei impressionada. Agora to impressionada ao quadrado ao saber da deficiencia. Esta que, ao que parece, nao te atrapalha em nada.
    Mil beijos e nao esqueca nunca que a gente te adora!

    Responder
  • Suzane
    17/11/2010 at 5:42 pm

    Olá Paulitha (desculpa se não gostar…)

    Pois eu te digo que não faça fonoterapia, sua voz é maravilhosa!!! Minina sério ontem fui dormir lembrando de sua voz e pensando: A voz daquela menina é linda d+, é muito raro encontrar uma mulher que tenha a voz segundo contralto e você tem… Se quiser você pode cantar lindamente…

    Eu só tive uma amiga 2º contralto e ela era super requisitada em grupos de música… Falo muito em cantar, em vozes e tal pq eu cantava antes de me mudar aqui para João Pessoa (antes de casar morava em Maceió). Minha voz é segundo soprano (uma voz com alcance agudo, porém mais grave que a de cantoras líricas por exemplo).

    Quando eu era mais novinha tinha a voz grave e o pessoal achava linda hoje em dia tem gente que gosta, mas eu prefiro contralto sabe por que? Eu sempre gostei do diferente, a maioria das mulheres tem aquelas vozes fininha que demonstram muitas vezes fragilidade, eu amo a diferença e acho que as coisas boas da vida se encontram ai…

    Para finalizar e não lhe cansar muito, pq eu falo d++, quero só dizer q vc apenas ignore essas pessoas que falaram mal da sua voz pq qualquer professo de canto diria q ela é linda e na hora lhe chamaria pra cantar.

    Bjos linda e felicidades mil…

    Responder
  • Adriana Lima
    17/11/2010 at 1:27 pm

    Paula, não sou de comentar em blogs, pois passo olhando rápido, vejo as fotos e pronto. Mas você escreve tão bem que sempre paro para te ler. Vi seu vídeo e no primeiro segundo o que chamou a atenção foi a sua voz anasalada, mas no segundo seguinte o que prevaleceu foi sua doçura, a forma como emprega as palavras e a confiança que você carrega nos conselhos que dá sobre make. Parabéns! Posso até ir além, você é capaz de ouvir as grosserias que estão te falando e tirar coisa boa, pensar em fono, quando nunca pensou nisso antes. Querida, só faça se isso for importante para você! Pq o mais importante, que é se comunicar, gerar confiança com o que é dito, ser doce, educada, etc vc consegue com maestria.
    Beijos

    Responder
  • Carol Be Dorothy
    17/11/2010 at 11:45 am

    Paula…tô simplesmente em choque por imaginar que um ser humano é capaz de uma barbaridade dessas…
    Primeiro por ser descabido já que, sinceramente, não há nada de errado com a sua voz…nada! Vc tem uma ótima dicção, um tom super agradável, enfim… to tentando achar a razão pra alguem te agredir assim gratuitamente.
    Mas Deus vê tudo e a vida é a melhor escola pra pessoas desse tipo…
    Aff…to ABSURDADA…
    Beijooos!!!

    Responder
  • Mariana
    17/11/2010 at 1:00 am

    Ah! Esqueci de dizer! Meu namorado e uma amiga minha viram teu vídeo e ambos comentaram que a tua voz parece com a minha, já na minha opinião, não concordo, rs, mas a tua voz é linda e todo mundo te entende! Absurdo esse povo idiota!

    Responder
  • Mariana
    17/11/2010 at 12:56 am

    “É por essas e outras que acredito que só dá para ser feliz sendo surdo se você aprende a não levar tudo isso para o lado pessoal. Minha voz é estranha, and so what? Não tenho a voz da Celine Dion ou de alguma atriz delicadinha, vou perder o sono com isso?? Não. Meu foco é sempre no positivo.” >> Posso assinar embaixo? Disse tudo!

    Na escola ou no colégio, eu também não sofri grandes humilhações! Eu era chamada de língua-presa por alguns pestes, uma pessoa zombava que eu falo como se tivesse com ovo na boca… eu chorava e muito por isso, mas meu pai me disse naquela época: filha, quem tem problema é eles, você não tem problema nenhum! Nós te amamos do jeito que você é…
    E então passei a me despreocupar com essas criancices maldosas! Acho até graça (e muito divertido, rs) quando me perguntam se sou brasileira, se sou estrangeira, rs. Só acho lamentável que ainda tenha muita gente que pense que os surdos não são capazes de falar uma única palavra… teve uma pessoa que não conseguia entender porque eu falava “português tão bem”, outra que não entendia como eu passei no vestibular, etc. santa paciência…

    Responder
  • Paula
    16/11/2010 at 11:09 pm

    Oi Paula, tudo bem? Leio o Sweetest faz dois anos já e vim aqui pra dar um “depoimento”.
    Quando comecei a ler seu blog foi muito mais por curiosidade de beauté, mas eu não gostava. Eu achava ele presunçoso porque você escrevia sobre sentimentos e tudo mais entre as resenhas, sei lá porque isso me gerava um preconceito.
    Aí um dia você publicou um post sobre pessoas que reclamavam dos pequenos escritos, isso faz muito tempo. Eu li e foi um belíssimo dum tapa na cara. Naquele dia parei pra ler alguns posts novamente e percebi que eu era uma tapada preconceituosa, que eu achava que detia a verdade sozinha e que nenhuma outra menina que curtisse moda e beauté poderia ter um cérebro e sentimentos como eu.
    Eu me sentia única por não ser o tipinho futil mas gostar de beleza e fui tão julgada por isso que achei que era impossível existir outras mulheres assim. Então passei a julgar também.
    E isso foi horrivel. Você nunca soube, eu nunca fiz um comentário maldoso e isso faz muito tempo mesmo. Mas eu passei a olhar seu blog com outros olhos, como o blog de uma menina delicada e cuidadosa que gosta de coisas bonitas e tem sentimentos como todas nós.
    Você me ensinou a ver o mundo de outra forma, a não julgar tanto as pessoas e a baixar um pouco o meu ar de superioridade. A ouvir os outros seres humanos e saber que cada um tem uma história que deve ser respeitada e pode me abrir outros mundos, em vez de me fechar no meu.
    Foi uma lição e tanto, que apliquei a outras áreas da minha vida e sou muito grata por você ter contribuido com esse passo.
    Como você me ensinou que devo respeitar a delicadeza e feminilidade assim como quero que seja respeitada em mim e a ter respeito por outras mulheres e não me surpreender quando elas forem além de extremamente lindas (você é!) e bem cuidadas, muito inteligentes, você criou expectativa de uma voz delicada em mim.
    Ao ver o vídeo, me surpreendi com a sua voz por você aparentar delicadeza e ter uma voz tão firme, tão decidida. Voz de mulher, não de menininha, entende? Olha só, você quebrou outro preconceito meu!
    Então eu lí seu tweet e pensei um “aaah, curioso”. Foi quando você quebrou meu preconceito sobre deficiências auditivas, pois nunca conheci ninguem com uma e confesso que achava que eram pessoas um pouco incapazes. Poxa, Paula, você já me ensinou três lições maravilhosas sem nem ao menos me conhecer.
    Eu fiquei com raiva das pessoas que fizeram comentários maldosos, então lembrei de como eu me sentia. E pensei que se uma pessoa perde seu tempo para vir praticar algum tipo de bullying contra você por causa da sua voz, poxa vida, essa deve ser uma pessoa realmente problemática.
    Porque eu era alguém que via a vida de forma mais cinza e cheguei só a te julgar. Imagine alguém que resolva “tomar uma atitude” e comentar. Percebe? Essa pessoa precisa de ajuda. Precisa ver a vida de uma forma mais doce e esse tapa na cara que você está dando pode ser algo que ela nunca teve na vida e que mude tudo para muito melhor.
    Assim como você mudou a minha. Paula, esse é o poder da palavra: ela nos ajuda a construir um mundo melhor. Com a globalização, a internet…ela tem um alcance incrível.
    Foi assim que você me ensinou uma pequena lição, a qual eu compartilhei com minha terapeuta e me ajudou a achar um caminho mais fácil para me curar de uma doença que eu me recusava a aceitar: a depressão. Era ela que me fazia julgar a vc e a todos a minha volta para me defender de forma errada.
    É ela que faz as pessoas se esconderem atras de uma tela e julgarem sem nem conhecer e ferirem tanto o próximo.
    Olha Paula, muito obrigada pelo tanto que você mudou minha vida sem nem saber. E espero que essa lição esteja se espalhando ainda mais com esse problema.
    Porque todo problema é uma chave para uma solução maior ainda.
    Um grande beijo de uma fã agradecida.

    Responder
  • Bruna Florencio
    16/11/2010 at 3:36 pm

    Nossa, fiquei chocada!

    Conheci o blog SP há mais ou menos… 3 horas! sahuhuashsuahu revirei revirei, achei o vídeo [já estou encomendando minhas comprinhas.. hehehe] e posso falar? Eu jurava que você era estrangeira pela sua voz!!!! hashusahuuash!!! Aí que eu fui procurar de onde você era pra ter esse sotaque tão legal e cai aqui nesse blog!

    Acho essas pessoas que se deram ao trabalho de criticar tão idiotas! meu deus! O que importa é sua voz ou seu blog? O que você nos ensina? Quanta idiotice! E quanto preconceito idiota!

    Eu estudo com uma menina deficiente auditiva e gente, só descobrimos porque ela nunca nos ouvia quando a gente estava mais longe… mas daí a julgar a pessoa por essa característica é f***… Se você estivesse “roubando, matando etc” até lá vai, mas não! Gente fico indignada! ahsauhasushau

    Liga não! E faça bem mais vídeos pra ensinar pessoas inteligentes que se importam com que você é e não a julgam por uma característica sua.

    Beijos da sua nova leitora!
    Bruna

    Responder
  • gabriele matos
    15/11/2010 at 6:15 pm

    nossa
    mó nada a ver o povo achar sua voz feia, nem liga nao, sao um bando de infantis, tua vozé grossa sim + nem se compara a de homem
    fala sério. povo doido!
    bjs

    Responder
  • Soraya Teixeira
    14/11/2010 at 11:55 pm

    Oi, Paula!

    Quando assisti os vídeos (sim, eu leio o SP também!), lembro de ter pensado: “nossa, como a voz da Paula é diferente… Ah é, a perda auditiva…”, ponto final. Fiquei chocada ao saber que houve tanta reação negativa, não entendi tanta imbecilidade e ignorância. Eu amo o novo, o diferente – é da minha personalidade – mas entendo que se sente desconfortável e não consegue se adaptar tão rapidamente às situações com as quais não está habituada. O que eu não entendo é como alguém pode perder o foco assim (o post era sobre maquiagem, né?) e se sentir tão incomodada porque a voz de outra pessoa não é como se esperava, a ponto de impor algum constrangimento a ela. Eu, hein? Isso me assusta de verdade…

    Beijos!

    Soraya

    Responder
  • Vicky
    13/11/2010 at 7:41 am

    Paula, eu nao entendi todo esse bafafá em torno da sua voz: sua diccao é perfeita, articulada, e ainda tem aquele sotaque gaúcho liiiiiiindoooooooooo! E depois, se o “problema” é a voz grave, quem reclamou o fez de inveja porque com certeza tem uma voz esganicada. Eu quando falo num microfone tenho vontade de sumir porque é quando eu percebo o quanto a minha voz é fina, quem dera ter uma voz grave e sexy que nem a sua. Se eu nao soubesse do seu problema de audicao, eu nunca desconfiaria ao lhe ouvir falar.

    Se voce quer procurar uma fono por estar sentindo alguma dificuldade, eu dou a maior forca. Mas se é porque tem gente dizendo que sua voz é estranha, saiba que é puro despeito, por favor, nao perca seu tempo com eles.

    Responder
  • Guilherme Chazan
    13/11/2010 at 12:23 am

    Paula,
    eu entendo as pessoas através de leitura labial e da voz.
    E… uau, com a soma da articulação labial + voz fica muito fácil te entender! Articulas e falas muito bem! Serião mesmo!
    Tudo de bom, bjo

    Responder
  • Bruna Lemos
    12/11/2010 at 10:50 am

    Paula, as pessoas que disseram algo ruim da sua voz, nunca conheceram alguém com deficiência auditiva.
    A sua voz é praticamente normal, estudei com um deficiente auditivo, até te contei no 1° post deste blog, e era muito dificil entender a voz era meio para dentro, não sei explicar, só sei que a sua é muito mais clara que a dele.
    Esse tipo de gente gosta de ver defeito em tudo, é ridiculo.
    Pode gravar seus vídeos, porque com certeza a maioria não viu problema algum.

    Responder
  • tehs
    12/11/2010 at 10:09 am

    Paula!!!!!!!!! eu sou surda tbm … fiquei tão feliz em ler esse post, pq a minha voz
    tbm é grave e um pouco anasalada!!!!!
    Será que vc tem informações sobre cantar???
    Nao consigo cantar de jeito nenhum, tipo, eu canto mas a minha voz é horrrrrrrrrrrrrrrivel!!!!!!!!!!!!!!!!!
    o povo fala de cantar pelo diafragma, mas eu nao consigo por esse tal do diafragma pra funcionar!!!!!!!!!!!!!!!!!! será q isso tem a ver com a surdez? acredito q sim ….. bjs ~!!!!!

    Responder
  • R.,
    11/11/2010 at 1:58 pm

    Olá Paula,
    Acompanho o Crônicas desde que meu namorado passou a contribuir com alguns post’s.
    Esse post me fez pensar em algumas direções. Confesso q faz um tempo que li e só hoje resolvi postar um comentário.
    Como opinião pessoal acho q sua voz não tem nada demais. Ela tem algumas características de uma pessoa com défict auditivo, porém, é possivel compreendê-la sem dificuldade nenhuma. Todos temos características diferentes, o que nos faz ser reconhecidos ou identificados por estas.
    Daí fiquei pensando… “mas pq alguém postaria comentários tão maldosos?”.
    Preconceito, imbecilidade, idiotice são as primeiras idéias que surgem.
    E continuei pensando…
    Acho que sinceramente para essas pessoas o problema não é a sua voz e sim você.
    Geralmente esses tipos de comentários não são identificados. Muita gente fica “armado” atrás de um esconderijo prontos para atacar as pessoas. E penso que foi exatamente isso te aconteceu.
    Provavelmente vc deve incomodar algumas pessoas de tal forma, que encontraram nessa maneira uma forma de te agredir.
    Diversas vezes já passamos por situações em relação à “voz” (eu não sou deficiente auditiva). A maioria das pessoas nos abordam em inglês, achando logo que ele é gringo. A primeira vez que o aprensentei à um grupo de amigos todos vieram: “hello, how are you?”.
    Então Paula, acho que esse tipo de perseguição velada só é feita por pessoas infelizes e fracassas geralmente direcionadas à pessoas notáveis.
    Quando se tem competência, se estabelece.
    Parabéns pela iniciativa do blog e fico muito feliz qdo os post’s do R. rendem muitos comentários.
    Abraços,
    R.

    Responder
  • Silvia
    11/11/2010 at 10:14 am

    Oi Paula,

    Não achei nada de errado com a sua voz, considerando que você é deficiente auditiva, achei-a ótima!

    Graças a Deus, somos todos iguais e diferentes ao mesmo tempo, e é por essas diferenças que nos encantamos tanto uns com os outros. Que graça teria se fôssemos todos idênticos??

    Sua voz te retrata bem, uma voz forte para uma mulher forte!

    Beijos

    Responder
  • selena
    10/11/2010 at 5:32 pm

    Paula, vou expor a minha opinião, talvez repetindo muito do que foi dito antes pelos outros leitores.

    Em primeiro lugar, é o fim da picada uma pessoa se dignar a acessar um blog, ler o conteúdo, e se ficou insatisfeito por qq motivo, perder tempo criticando, ainda mais quando a crítica não é construtiva (muito pelo contrário….) tipo assim: não gostou? cai fora e não volta mais, ninguem tá obrigando a acessar tal blog.

    No caso da sua voz, eu penso o seguinte: eu sou leitora tem o maior tempo do Sweetest Person. Pelas coisas que voce escreve, do jeito que voce se comunica, NUNCA NA MINHA VIDA imaginei que voce tivesse alguma deficiencia auditiva. Quando o assunto veio a público no meio virtual, fiquei surpresa, mas isso não mudou nada a opinião que tenho a seu respeito. Continuo gostando dos seus posts, continuo achando voce com cara de legal (tipo queria voce de amiga), continuo achando seu visual legal e seus gostos parecidos com os meus, continuo achando voce espirituosa e tals.

    Quando voce postou os vídeos, foi outra surpresa, porque voce tem um vozeirão e eu sei lá porque cargas dágua imaginava voce pequinininha da voz fina. Vale aqui dizer que adoro mulher com vozerão.

    Então, acho até que sua voz pode ter surpreendido muita gente, porque a gente não sabia como ela era, de repente imaginou de outro jeito. Que nem quando voce fala com uma pessoa que não conhece pessoalmente pelo telefone, voce imagina a pessoa de certo jeito por causa da voz, do jeito de falar, vocabulário…quando conhece ao vivo, às vezes é engraçado, pq a pessoa não corresponde em absoluto àquela ideia que fazíamos. O que não é bom nem ruim, mas é apenas diferente.

    Agora tem algumas pessoas sem educação , elegância, fineza, que são tão sem noção que vomitam palavras ofensivas, com ou sem intenção de magoar o outro. Não é pra essas pessoas que voce faz os blogs.

    Fique certa que apesar dos poucos toscos que sempre aparecem, tem um monte de gente que vem aqui por que te admira e te acha o máximo. E toca pra frente, com esse vozeirão lindo de meldels.

    bjs

    Responder
  • Paola
    10/11/2010 at 11:16 am

    Absurdo as pessoas te agredirem gratuitamente assim. Nessas horas aquele filtro deve ser usado, né: não aceita, simplesmente isso. Anonimato é covardia, pelo amor de deus.

    Continua falando com a gente, Paula, tu és muito querida. 🙂

    Beijo, desconsidera qualquer coisa ruim que vier pra ti.

    Responder
  • Camila Penteado
    10/11/2010 at 9:22 am

    Paula, sou leitora assídua do sweetest… (sou eu q falo pra te encontros em ctba sempre, q sou louca pelas coisas da mª dolores, rsrs) Vc sabe que eu ví o vídeo e achei completamente o contrário! Eu pensei: Nossa! Como a vóz dela é bonita. Achei sua vóz encorpada, discreta, charmosa e agradável! Não achei nada de som mto grave não… Acho q as pessoas imaginam uma coisa e, qdo é diferente do que imaginaram não conseguem aceitar… natural de pessoas que têm pouca tolerância, natural do ser humano pouco evoluído e mal educado… Falta do que fazer e covardia, né? Ficar ofendendo as pessoas pela internet… ai ai

    Responder
  • Samara Correia
    09/11/2010 at 5:57 pm

    Uauuu!!! Foi tipo a primeira coisa que pensei quando fiquei sabendo dessa história.

    Como assim tem gente tão sem noção e educação para fazer esse tipo de comentário?

    Que dizer que agora todo mundo tem que ter voz de Sandy?!O.o Alowww?! Super chato.

    Meu maior sonho sempre foi ser contralto (voz femina grave), então tipo, sempre gostei de meninas com voz grave. Quando fiz coral, tinha gente que dizia que as meninas de voz mais grave eram mais sensuais huauauhauha (eu sou mezzo soprano).

    No mais, eu nem tenho muito o que comentar… pq esse é o tipo de assunto que não merece muito comentário, a gente só olha, olha de novo pra ter certeza de que não leu errado… depois pensa “Ok, Deus… piedade”.

    O legal é que, falando agora da parte de deficiência auditiva, você tem uma dicção muuuito boa, parabéns!!

    Sabe, eu quase não tenho problemas com dicção, na verdade, o povo só diz “nossa, de onde é esse seu sotaque?!” hahuahuauhauhauhauh…

    Enfim, nessas horas o melhor e não considerar essas coisas, olhe só os comentários legais e siga a vida, ela tem coisas muito melhores para te oferecer.

    E não deixe de fazer vídeos ;D

    bjus

    Responder
  • Juliana Sacramento
    09/11/2010 at 5:24 pm

    Oi Paula!

    Eu acompanho seu Sweetest há algum tempo, já tinha vindo aqui no Crônicas, mas nunca parei realmente pra ler…
    No seu primeiro post com vídeo eu comentei sobre sua voz, dizendo que a imaginava diferente. Mas é como a Sheilla falou ali em cima; você tem cara de meiga e delicada; o título é sweetest…haha A gente imagina algo sempre diferente.
    Quando vi seu primeiro vídeo, nem relacionei sua voz ao seu problema, porque tem pessoas que tem o timbre mais grave mesmo.

    Mas Paula, não deixe que comentários grossos e mal educados te impeçam de fazer vídeos, porque tá sendo ótimo vê-los! Não sei se todos os leitores tem essa sensação, mas parece que quando os blogueiros postam vídeos ou fazem posts sobre eles, como o look do dia, que existe em vários blog, eles ficam mais próximos da gente! rs

    Enfim… Se meu comentário no seu primeiro vídeo a deixou chateada, i’m sorry! A intenção nunca foi essa.

    Beijos!

    Responder
  • Lu Monte
    09/11/2010 at 4:00 pm

    Paula, lamento de verdade que a imbecilidade de alguns tenha se dirigido contra você. A gente sabe que internet é isso mesmo, que a manada de energúmenos é gigantesca, mas mesmo assim é difícil ter uma casca tão grossa a ponto de não se ofender…

    Tua voz é muito agradável e fiquei realmente impressionada com a tua dicção! Geralmente, a dicção “entrega” a deficiência auditiva, mas a tua é tão nítida e segura que realmente não sei se eu “adivinharia” tua surdez caso te ouvisse na rua e não te conhecesse. Você está de parabéns, isso sim!

    Quando criança, fui bem sacaneada por ter a voz aguda demais. Hoje, minha voz tem um timbre que as pessoas consideram normal, mas ainda o acho agudo e adoraria ter uma voz encorpada como a tua. 🙂

    Responder
  • Denize
    09/11/2010 at 3:52 pm

    Olá Paula!
    Ah flor eu sei bem o que sentiu com esses comentarios.
    Eu sofro isso sempre! E o pior de tudo tenho a famosa língua presa.
    Me doi qdo vejo as pessoas me imitando, ou rindo do meu jeito de falar.
    Maasss… bola pra frente como dizem né?
    Devemos é esquecer esss pessoas e lembrar apenas das pessoas maravilhosas que fazem parte da nossa vida e compreendem nosso jeito de ser não é verdade?
    Como ja tinha comentado antes, eu dou mãe de uma menina, e fico preocupada … pq mãe acaba sendo o espelho da filha… procurei uma fono para melhorar minha voz e aprender a falar de forma “normal”…rs
    Bjão e sucesso para vc linda!
    Dê!

    Responder
  • Jojo
    09/11/2010 at 1:57 pm

    Nossa Paula, que ridículo essa reação exagerada mesmo!
    Eu fui uma das leitoras que te imaginavam com a voz fininha, mas é uma dessas coisas bobas e nada a ver mesmo, é normal imaginar aspectos que não conhecemos, tipo, se eu conhecesse só a tua voz imaginaria como você é fisicamente, etc.
    Mas te digo que não tem absolutamente NADA de errado com a tua voz!
    agora, eu relação as pessoas mal educadas/intencionadas.. sem comentários!

    beijos! =)

    Responder
  • Greize
    09/11/2010 at 11:21 am

    Paula eu vi seus vídeos, lá vi comentários do tipo “imaginava sua voz de outro jeito”, mas não pensei que recebestes ofensas que claro vc não publicou. To de cara!!!!!!!!!!!!
    Falaram horrível?? Hunf!Pede para sairrrrr.. rs.
    Olha eu tive perda auditiva adulta, minha voz ficou grossa (familiares disseram), nunca foi mta fina, fiz fono para outra coisa ela achou normal, disse :”Uai(mais mineira impossível) sua voz não foi sempre assim??!!Não vi nada de diferente”. Ela não me conhecia antes.Enrolei algumas palavras mas hj falo bem.Ficou nasalada.
    Fico chocada, pq mta atrizes fizeram Fono devido à voz, então não é coisa só de deficiente auditivo. Sei que mtos fazem fono sim, e ajuda para entonação.No seu outro blog, te veem o visual, acham que sua vida é linda e perfeita, alguns querem isso, gostam de vc pela aparência ou brindes Uii..rs,enfim fica com quem gosta de vc.Quem gosta mesmo nem liga p/ nossa voz ou nda eu gosto de ti e nem ouvi direito sua voz!(Coisa de Alokaa como vc diz)!
    Bola p/ frente voz de gaúcha sempre foi forte e eu acho o sotaque lindo.
    No mundo mtos de nós passaremos aflições.Mas em tudo vamos aprendendo.
    “A voz das obras pode mais do que a voz da boca.”
    São Bernardo

    P.S: Cid Moreira fez mto sucesso ok. Ganhou mta grana, se te chamarem pode ir!!!!Rss Bjusss

    Responder
  • Kika
    09/11/2010 at 10:57 am

    Se já gostava do blog antes, agora tem minha admiração em dobro!
    Beijos

    Responder
  • Lilian
    09/11/2010 at 7:39 am

    Gente, mas como as pessoas são maldosas!

    Não vou negar que estranhei um pouquinho no começo. Mas daí a ser grosseiro, né, vai uma longa distância.

    Se eu não soubesse da sua perda auditiva, teria achado que você estava gripada, rs… é verdade! Quanto à voz ser mais grave, normal. Já conheci tantas meninas que tem a voz grave!

    Falta de educação e ofensa são injustificáveis em qualquer situação. As pessoas pensam que, porque se escondem atrás de um computador, podem dizer todo tipo de maldade para os outros.

    Sei que isso é duro, mas não deixa essa coisa negativa toda te afetar não. Tá cheio de gente que te adora. Uma pessoa é muito mais do que a voz.

    Beijinhos!

    Responder
  • […] This post was mentioned on Twitter by Crônicas da Surdez, Blog Commode. Blog Commode said: Tem gente que parece q não teve pai e mãe pra educar… Sua voz é ótima! RT @sweetestpblog NO AR: Sobre a minha voz http://t.co/QyVhSMb […]

    Responder
  • Ivana Pinheiro
    08/11/2010 at 11:54 pm

    Paula, querida….

    A Voz é um artifício que usamos para transmitir ao meio exterior o que pensamos, o que somos…..

    O que realmente importa é o que vc é, as idéias que porta!!!

    Se não fosse pela voz, outra linguagem, enfim….

    sua voz é linda à medida que és linda!

    Portanto, acredite:

    Sua voz é linda!!!!

    Beijos!

    Responder
  • Thais
    08/11/2010 at 11:37 pm

    Nossa, a sua voz nao eh nada horrivel!
    Mesmo, mesmo!
    To meio chocada que alguem perca tempo pra te ofender.
    Ainda mais falando inverdades.
    Eh mto, mto cruel, pq nao tem como vc saber a verdade!
    Mas se fazer a fono vai te ajudar, va fundo! Porem, faca por vc e nao por causa de comentarios maldosos!
    Bjinhos

    Responder
  • Marcela Cordeiro
    08/11/2010 at 8:07 pm

    Credo, que absurdo!
    Quanta gente ridícula que existe por aí!
    Vc não deve dar ouvidos para essas pessoas maldosas que comentaram o seu blog com ofensas, são pessoas mau caráter mesmo, com a vida podre que devem ter, saem descontando em pessoas batalhadoras, vencedoras e lindas como vc. Eles que se danem!rss
    Vi seu vídeo e não tinha nada de errado, pelo o que consegui ouvir, vc tem voz grossa e ainda fala super bem. Todo def. aud. tem uma voz diferente dos ouvintes, normal, alguns brincam que temos um “sotaque”.rss
    Eu, como vc, tbm não ligava pra minha voz, sabia q era uma voz diferente, um pouco mais grossa, mas até eu conhecer meu namorado, ele me fez perceber como era minha voz para os outros.rss
    Fez um vídeo meu e assiti, nossa! Voz grossa, e as vezes fanha…kkkkk Mas isso só acontece quando falo bem alto ou estou rindo, porque vc sabe né, as vezes a gente não se controla com a própria voz e ela sai estranha.
    Por enquanto ainda não faço fono, farei mais pra frente, por causa do meu trabalho como pedagoga, terei de fazer reuniões, falar em público, essas coisas, o que me dá um frio na barriga, pq detesto falar em público…rss
    Faça fono, vai em frente, mas vc fará POR VOCÊ, para melhorar ainda mais a sua fala, e que essa gentinha que fala mal, que apodreçam com suas vidas medíocres. 😀

    Bjos!

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 8:17 pm

      marcela
      marquei uma hora pra fazer avaliação semana que vem, pra fonoterapia.
      vamos ver o q ela me dizzz….
      🙂
      beijão

      Responder
      • Marcela Cordeiro
        08/11/2010 at 10:51 pm

        Certeza q vai dar tudo certo!
        Boa sorte Paula!

        Responder
  • Mel Salvi
    08/11/2010 at 5:06 pm

    Ai Paulinha, é tão absurdo receber uma agressão gratuita que dá raiva. Com certeza a pessoa que escreveu o e-mail deve estar muito preocupada com o fato da surdez ser apenas uma característica sua e não te definir. Mais ainda de você ter transformado em algo tão positivo como o Crônicas.
    By the way, minha voz é horrível (em vídeo então!) e tenho audição.
    Continue transformando as coisas negativas em boas, isso é seu dom.
    Bjks
    Mel

    Responder
  • Maria Fernanda Faria
    08/11/2010 at 4:47 pm

    Ai Paula, se eu falar que da primeira vez que vi o video no Sweetest eu achei sua voz super Cláudia Raia e gostei, você vai achar ruim?
    Só hoje, olhando aqui que vi o desenrolar do video…Por favor, tem gente que não tem mais o que fazer!Ficar julgando os possíveis ‘defeitos’ dos outros ao invés de fazer uma auto-crítica e tentar ‘corrigir’ os seus próprios…Se bem que eu acho que falta de caráter não tem solução!

    Você arrasa, sou sua fã!

    Muitos Beijos!

    Responder
  • Ana Carolina Pereira Acorroni
    08/11/2010 at 4:37 pm

    Ei Paula! Imagino como deve ser desconfortável receber esse tipo de reação das pessoas. Acompanho o Sweetes e o Crônicas a meses e me surpeendi positivamente com o seu timbre! Não tenho nenhuma perda auditiva e achei sua voz muito bonita! E não é “muito bonita pra quem tem perda auditiva” é muito bonita pra qualquer um. Sempre gostei de vozes mais grossas, acho chique e mais gostoso de ouvir. O que importa mesmo é você ficar satisfeita. Pessoas que se tornam “públicas” através dos blogs, como você, acabam virando para raio de muita opinião que não presta, de gente ofensiva e que fala sem pensar. Mas acredito muito que pessoas cativantes como você tem uma auto estima acima dessas coisas! Beijos!

    Responder
  • Bia Maia
    08/11/2010 at 4:28 pm

    Paula, eu tenho dó dessas pessoas que ofendem os outros assim…deve ser difícil conviver com tanta coisa ruim dentro de si….
    O modo como vc fala é perfeitamente compreensível, e não é isso que importa? Umas pessoas tem a voz mais bonita que outras, mas não é assim com tudo? Você falou que as pessoas se espantam porque imaginam que vc tenha a voz fina e suave, né….acontece muito parecido comigo! Eu tenho a voz suuuper grave, não por problema nenhum, é só assim e pronto! Acontece que eu sou baixinha,, de cabelo enrolado branquinha e de bochechas rosas! rsrs
    É muito comum as pessoas me olharem com cara de espanto quando eu começo a falar, acho engraçado. E eu acho isso bacana, surpreender as pessoas que te imaginam falando como uma bonequinha fofa com um vozeirão!
    Toda vez que a gente se expõe está sujeito a maldade dos outros….é uma puta falta do que fazer ficar xingando na internet, já vi muita blogueira reclamando disso! Mas ao mesmo tempo vejo que você recebe um monte de carinho do pessoal, e essas são as coisas que a gente leva pra vida, acredite nos elogios!
    Beijos!

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 8:30 pm

      Bia,
      Também não curto esse negócio de anonimato na internet, usado exclusivamente pra xingar os outros. Afeeee!!
      Obrigada pela força!!

      Responder
  • Paula
    08/11/2010 at 4:25 pm

    Nunca tinha comentado nesse blog seu antes, só no outro mas não pude deixar de falar que essas pessoas sem o que fazer que disseram isso da tua voz são umas invejosas. Todos nós independente de deficiencia ou não temos voz que uns gostam e outros não mas isso não da o direito de faltar ao respeito com o outro de qualquer modo que seja. Achei uma atitude ridicula, sua deficiencia auditiva não deixou você de ser o grande sucesso que é hoje como pessoa, como no blog e espero que em tudo que você faça, você apenas teve que se ajustar de algum modo. Achei sua voz bonita não é um grave feio, mas confesso que antes também achava que você tinha voz mais fina, mesmo depois que eu soube da sua deficiencia através desse blog não tinha conectado as duas sabe? E eu que tenho uma voz fina irritantérrima, hahahha é um saco, ainda bem que na minha cabeça eu escuto ela tão bonito rsrsrs e sou feliz como ela!!!!!
    Mas relaxa, eu sei que é super chato quando alguém faz esse tipo de coisa com a gente, mas você é muito melhor que tudo isso e que se você quer fazer alguma mudança, fazer essa fonoterapia que você mencionou, faça por você e mais ninguém muito menos por essas desocupadas…
    Tudo de melhor pra você sempreee Paulinhaaa! um beijo

    Responder
  • Camila Guerra
    08/11/2010 at 4:12 pm

    Paulinha,
    nunca comentei por aqui, mas sou leitora do sweetest há séculos e desde que você comentou sobre o Crônicas passo aqui sempre também. Acho incrível a sensibilidade e a abertura com as quais você trata esse assunto. Leio as coisas que você escreve por aqui e sinto um gás a mais, juro. Então posso imaginar como você e seu blog fazem bem para as pessoas que compartilham da mesma experiência que você. Você é linda, guerreira e admiro muito a forma como você se expõe, assim, selfless. Quando ao vídeo, vi e adorei as dicas. Imagino que rolou um baque básico com os comentários odiosos e é fácil falar pra não ligar pra isso, né? Mas sinceramente, tenho certeza que você é maior que tudo isso. Então, lindona, deixa essas coisas pra lá e continue assim da forma como você é. Nós suas leitoras continuamos aqui te acompanhando e torcendo muito, pode ter certeza.

    Parabéns e tudo de bom sempre!

    beeijos.

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 8:38 pm

      camis,
      uma das partes mais legais de escrever esse segundo blog é conseguir tocar pessoas que não têm nenhuma ligação com a surdez!
      🙂
      fiquei mto feliz com teu comment!
      beijo

      Responder
  • Gyselle
    08/11/2010 at 4:05 pm

    Oi Paula!! Sabe que fiquei sabendo da deficiencia auditiva qdo vc comentou no twitter o q haviam falado….
    Já tinha visto o vídeo e achei sua voz super normal, achei, na verdade, q vc tava meio gripada por isso o nasalado, mas né…NADA DE MAIS!!!!!
    A pessoa que comentou tal grosseria, total sem noção e mal educada!!

    Adoro os seus dois blogs e estou sempre visitando!!!

    Um super beijo de Floripa pra vc!!! 😉

    Responder
  • Mari Maggioni
    08/11/2010 at 4:04 pm

    Não quero ser parcial, pq te conheci e gosto muito do blog, mas sua voz não tem nada de estranho!
    Engraçado que acho que não comentei com vc, mas quando te conheci, esperava ouvir uma voz que “denunciasse” sua deficiência auditiva, mas nada!
    Conheço algumas pessoas com deficiência auditiva que tem a voz super complicada por causa disso, mas vc fala perfeitamente! Tem até sotaque de gaucha, olha só!

    Infelizmente vc está muito exposta aqui, e a blogsfera cheia de gente maldosa e covarde.

    As pessoas que gostam de vc e te admiram estão em maior número! Não ligue para elas pq vc é normalíssima!

    Beijos

    Responder
  • Monise
    08/11/2010 at 3:51 pm

    Paula, conheci o Sweetest há pouco mais de um mês (e amei, looogico!). Por meio do seu outro blog cheguei aqui. Posso falar: que besteira enoooorme essas meninas que se preocuparam com sua entonação de voz! Juro, eu só consegui prestar atenção nas palettes do Tio Coreano! rsrs.. Sua voz é linda e não tem nada de máscula! Mesmo! Acho bonito mulher com vozeirão (talvez pq a minha seja de taquara rachada…kkkk). Desencana. Você não precisa de fono. Essa meninas é que precisam de terapia, urgente! Tem gente que só fica feliz se pode jogar o outro lá embaixo, seja pelo motivo que for… Coisa absurda, né!!
    Um dia ainda vou escrever uma crônica para cá, contando um trauma danado que passei na adolescência por uma perda auditiva super leve (não passei no teste de audiometria e lá se foi o emprego… um trauma! – hoje para lá de superado!)
    Bjinhos e parabéns pelos dois blogs! Um melhor que o outro!!

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 8:40 pm

      monise,
      yes, please!!
      manda mesmo!
      a melhor parte é dividir as histórias aqui!!!
      beijosss

      Responder
  • Carine Almeida
    08/11/2010 at 3:46 pm

    O que mais fiquei “de cara” é como o post perdeu o foco da maquiagem e foi pra voz da blogueira.
    As pessoas precisam aprender respeitar os outros em qualquer lugar, seja ele físico ou virtual.
    Aaaaaaamo seus dois blogs e admiro sua coragem de falar abertamente sobre coisas que se vc não quisesse não seria da conta de ninguém.
    PARABÉNS!!!!!
    Bjos. 😉

    Responder
  • Patrícia Maia
    08/11/2010 at 2:37 pm

    Minha amiga, estou chocadíssima! Como tem gente invejosa nesse mundo!
    No mínimo são pessoas que estão fazendo um movimento pela voz fina para tentarem aumentar sua própria auto-estima!
    Sua voz é ótima e posso falar isso pq te conheço pessoalmente. Tanto que mesmo convivendo com a deficiência auditiva do meu irmão nem reparei que vc também tinha essa dificuldade.
    Desencana e aproveita esse vozeirão para se candidatar logo ao lugar da menina do tempo que está grávida e deve entrar em licença maternidade logo… rs…
    Desestressa e só faça a fono se vc realmente sentir necessidade para uma ajuda na audição e não na fonética.
    Beijos e boa semana!

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 8:41 pm

      hahahaha nao vejo a hora de ir pro Rio de novo e a gente sair pra jantar e colocar mtoooo papo em dia!!!!
      beijossss

      Responder
  • Silvia Noblat
    08/11/2010 at 1:07 pm

    Paula, eu não tenho nenhum problema auditivo e todo mundo diz que minha voz parece de travesti, hahahaha – eu nem ligo! Acho engraçado!Talvez não combine comigo, porque eu sou magrinha, tenho cara de meiga (só a cara, porque sou gente ruim!!Rs!) mas acho minha voz uma marca registrada!!
    Beijos e não liga pra isso não!

    Responder
  • ligia
    08/11/2010 at 1:04 pm

    paula, sua voz é exatamente do jeito q imaginei… uma coisa meio mulherão! haha
    mas como as pessoas podem ser tao ridiculas… e continue na fono, se te faz tao bem assim, nao sao as outras pessoas q va escolher o q é melhor pra vc!
    bjo! sou mais sua fã a cada dia!

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 8:43 pm

      semana q vem vou fazer uma avaliação pra fonoterapia!!
      🙂
      beijo lígia!!! obrigada de coração pelo carinho.

      Responder
  • Julie Salomão
    08/11/2010 at 12:13 pm

    Paula,

    Eu fiquei inconformada quando li sobre essas ofensas a respeito da sua voz! Não tive muito contato com outros surdos, mas posso te falar que para mim sua voz é muito “normal”, bonita, mesmo, não estou falando isso pra te agradar não, realmente tu tens a articulação muito boa, e não tem variações no tom da voz (confesso que ás vezes minha irmã fala que eu tenho essas variações, é meio estranho, horrível).

    Quanto a esse povo sem educação, não dê confiança, certamente é gente ignorante que não sabe lidar com diferenças.

    Se para ti a fonoterapia é uma forma de melhorar, vai fundo, mas faça para se sentir bem, não para os outros, uma coisa é certa: quando a gente se valoriza, se cuida, as outras pessoas nos valorizam por consequência.

    Esse seu post me fez ficar atenta sobre a minha voz também, vou falar com a minha fonoaudióloga a respeito. Um fato engraçado foi uma professora minha na época da faculdade achar minha voz diferente, ela me perguntou se eu era carioca, e eu: sou paulista!. E ela falou: nossa vc tem um sotaque de carioca!. Na época foi engraçado, mas nem imaginava que podia ser por causa da surdez (eu realmente não sei se tenho mesmo esse sotaque ou não, rs).
    beijos,
    Julie

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 9:09 pm

      julie,
      marquei uma avaliação pra fonoterapia, vamos ver o q a fono me diz semana que vem!
      nunca tinha parado pra prestar atenção na minha voz….rsrsrs
      beijos

      Responder
  • ttizi veras
    08/11/2010 at 11:49 am

    minha filha só se atiram pedras em árvores com lindos frutos.
    essas bobinhas estão é com ciúmes do teu sucesso , luz para elas
    bjks da mamis que te ama linda.
    ttizi veras

    Responder
  • Joana Borges
    08/11/2010 at 11:39 am

    Ô minha florzinha linda! Não se chateie com comentários desagradáveis e ofensivos… Eu considero a sua voz, assim como a fono falou, ótima para quem tem uma perda auditiva como a sua. Isso não quer dizer que ela é horrível para “os normais”, mas sim um pouco diferente. Não acho que seja grossa demais e sim um pouquinho anasalada. Mas isso, eu que não tenho problema auditivo nenhum, também tenho!
    As pessoas definitivamente não têm o que fazer… não se intimide, viu? Eu adorei o seu vídeo e não vejo problema algum com a sua voz. Tem voz de pessoas “normais” por aí, milhões de vezes pior!!!! Aquelas vozes de taquara rachada, ninguém merece!!! hahahaha
    Beijocas!

    Responder
  • Carol
    08/11/2010 at 11:17 am

    Paula, não estou acreditando até agora!!!! Olha, tenho certeza que as pessoas que fizeram estes comentários, são pessoas que morrem de inveja e por não ter o que criticar (ou quando criticam, não te atinge), buscam motivos em pequenos detalhes, por saber que isso poderia te afetar de alguma forma por causa da sua deficiência!!! Tô com muita raiva por isso…doeu em mim sabia!!??!!

    Não acho que deve se importar com isso…sua voz é diferente, exatamente pelo fato que a fono falou, o som sai mais pelo nariz…mas não é feia e muito menos parece com o Cid Moreira!!! Eu achei sua voz legal e adorei conhecer você mais um pouquinho, vendo e ouvindo vc falar…seu sotaque mega carregaaado!!! hahaha…já imaginava só pelo jeito que vc escreve!!!

    Conheci uma menina na época de colégio que era surda (acho que não totalmente)…ela era sa sala da minha melhor amiga e a voz dela era um pouco grave, ela era fanha em algumas palavras…então, desde o começo eu te imaginava falando como ela…mas confesso que a sua dicção e voz soam muuuito melhores que a dela e eu sempre a achei tão normal!!! Ou seja, sua voz é mais normal ainda!!! Desencana e não sofre com isso!!!! Se nunca te incomodou e a ninguém que convive com vc…siga em frente do jeito que tá!! Gaste suas energias com outras coisas mais importantes do que ficar “melhorando” pra quem não merece nem um terço da sua atenção!!!

    Bjoooooo

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 9:21 pm

      carol sua fofa,
      obrigada pela solidariedade!!! 🙂
      concordo contigo em tudo…
      sabe como é, a gente é de carne e osso, ja me acostumei a ‘apanhar’ na internet, mas tem umas q doem!
      beijooooo

      Responder
  • Cris
    08/11/2010 at 10:58 am

    Posso falar? No dia que te conheci lá na Kiehl’s, a primeira coisa que pensei foi ”Nossa, adorei a voz dela!!”
    Eu acho um máximo mulheres que têm a voz mais grave, provavelmente pelo fato de eu ter uma voz esganiçada que me dá vergonha tooooda vez que me ouço em vídeo,rs! Fora que eu tenho a sensação de que mulheres de voz grave super tem aquela atitude girl power sabe?! rs!
    O fato é que naquele momento neeem me passou pela cabeça que a sua voz mais grave tivesse algo relacionado à sua deficiência auditiva. E na verdade eu já conheci várias pessoas que tem esse tipo de tom de voz e não vejo absolutamente nada de estranho nisso!
    Pra mim é muito mais estranho ter gente que se dá ao trabalho de criticar o outro pura e simplesmente pela vontade de agredir. Vamos combinar que isso é ser muito vazio!
    Também fiquei surpresa quando você comentou que a vídeo rendeu comentários maldosos, mas é coisa de gente tão baixa que nem vale a pena se importar né?! Afinal sua voz nunca te incomodou (nem tem porque incomodar!!) e não vai ser agora que isso vai ser um problema.
    Bjs!

    Responder
  • Josy Baldu
    08/11/2010 at 10:40 am

    Vou comentar, eu preciso comentar…rsrs assisti aos vídeos, e juro… de verdade eu juro,(sem demagogia) não vi nada de mais na sua voz, tanto que fiquei sem entender quando vc postou no Twitter a respeito, fiquei pensando no por que.Ai fui ler mais e descobri que vc tem deficiência auditiva, sério a lerda aki não sabia.Sua voz é normal,mas preconceito é algo que sofremos mesmo, por tudo, as pessoas procuram motivos pra nos constranger, eu já sofri e sofro precoceitos, não sou deficiente auditiva, não porto de nenhuma deficiência mas sou NEGRA, sim e isso tbém faz com que as pessoas digam coisas que qualquer um detestaria ouvir, mas como vc mesma diz, sigo em frente, e seguirei sempre.Bjos adoro seus blogs. *-*

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 10:42 am

      oi josy,

      sim, infelizmente as pessoas arranjam os motivos mais esdrúxulos para tentar diminuir os outros.

      eu imagino que muita gente não saiba ainda que tenho deficiência auditiva, mesmo já tendo tocado nesse assunto mil vezes no twitter e até no Sweetest!!

      e fico feliz de saber que minha voz não te incomodou!! rsrsrs! nem imagina o quanto!

      beijosssss

      Responder
  • Roberta
    08/11/2010 at 10:36 am

    Oi Paula…realmente não é fácil ouvir algumas pessoas comentarem sobre a nossa voz…fazia fono somente para a voz,mas não adiantaria se não usasse aparelhos auditivos,levei um tempão para criar coragem,hoje não consigo ficar sem usar,e eles sim ajudaram a melhorar minha voz,sei que preciso agora pegar firme no treinamento auditivo para adaptar bem aos aparelhos.Sou veterinária e não sei como,mas me formei mesmo sem usar os aparelhos.Tiro o chapéu para vc,pela sua coragem…e se for possível e qdo vc tiver um tempinho gostaria de lhe fazer algumas perguntas…obrigada…grande beijo

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 10:41 am

      oi roberta!! meu email é sweetestpersonblog@gmail.com

      então, eu também me formei sem usar aparelhos auditivos (era teimosa e burra, hoje percebo claramente isso) e quando penso nisso só me vem à cabeça a frase: ‘como consegui??’

      não me imagino mais sem usar aparelhos…passo o dia inteiro com eles, eles me ajudam muuuito, e só com o uso dos AASSI que consigo escutar minha voz.

      eu tbem tenho me esforçado com treinamento auditivo…como aqui em SM não tem, tenho feito muito com música em inglês e TV!

      beijosss

      Responder
  • Sheilla Lovato
    08/11/2010 at 10:34 am

    Paula,
    Fico absurdada com essas pessoas que escrevem comentários desse tipo. Primeiramente, falta a tais indivíduos a noção de respeito com o próximo, independente de haver ou não uma deficiência. São essas pessoas as responsáveis pela disseminação de preconceitos bobos, podendo mesmo serem classificadas como infantis e imaturas.
    Confesso que quando vi seu primeiro vídeo no Sweetest, me espantei com sua voz, mas de maneira super positiva! Explico: Pelo título do blog (sweetest), imaginava alguém com uma voz fina, suave. E também por ler sempre o blog crônicas da surdez, achei também que sua voz iria variar mais – tenho uma amiga surda que é oralizada (ficou surda aos 12/13 anos) e a voz dela varia mais que a sua.
    Comparativamente: é a mesma coisa que dar de cara com um homem bombado e quando ele vai falar a voz sai fininha!
    Mas não vejo isso de uma forma negativa, muito pelo contrário! Sua voz ser forte e determinada é só mais uma das características da sua força de vontade, de vencer os obstáculos e de dar exemplo para os babacas de plantão.
    Continue, please, a postar os vídeos! Gente ruim existe em todo o lugar, e vai das boas não se deixarem abater!

    Kisses, e perdão pelo texto, hehehe.

    Sheilla

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 10:44 am

      ahahaha adoreeei a comparação!!! muito engraçada! ri muito aqui!!
      “Comparativamente: é a mesma coisa que dar de cara com um homem bombado e quando ele vai falar a voz sai fininha!”

      beijos Sheilla e obrigada pelas palavras!

      Responder
  • Ana Paula Pedras
    08/11/2010 at 10:29 am

    Acho que essa surpresa das leitoras esta ligada a falta de conhecimento. Como ja tive contato com deficientes auditivos, sua voz me surpreendeu sim, mas pro bem! Fiquei surpresa quando vi o quanto voce é articulada, desinibida e tem uma voz muito boa sim!
    A falta de educaçäo e grosseria não se justificam… Pessoas pequenas, dignas de pena.
    Te admiro Paula! Mulher forte e de personalidade!
    Amo o crônicas!
    Beijos!

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 10:31 am

      Anaaa!!
      Esses dias revirei teu blog de cabo a rabo, como dizem aqui.
      Tá cada vez melhor! Sou tua fã!
      Beijos e obrigada de coração pela força!!

      Responder
  • Claudia Renata
    08/11/2010 at 10:25 am

    Achei uma falta de respeito e noção criticarem a tua voz no blog.
    Eu não tenho nenhuma deficiência auditiva e minha voz é horrivel, e deveria fazer fono… alias muita gente com audição perfeita tem falhas de dicção e vicios de fala e ninguém dá pitaco.
    Vc parece ser uma pessoa super fofa independente do tom de voz, ok?

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 10:28 am

      Oi Cláudia,
      Eu até entendo que algumas pessoas que ainda não conheçam o Cronicas da Surdez e não saibam da minha deficiencia auditiva possam ter achado minha voz esquisitíssima…
      Mas fico bem feliz por, como disse a fono, ter uma ótima capacidade articulatória. Isso já me basta!
      Um beijo e obrigada pelo fofa!
      😉

      Responder
  • Danni
    08/11/2010 at 10:20 am

    Paula, essa gnt é mto deselegante.
    Se a fonoterapia te ajuda, vai fundo!! 🙂
    Espero que os resultados sejam satisfatórios.

    Beijão

    Responder
  • Bia Saltarelli
    08/11/2010 at 10:20 am

    Paulinha,
    Morri de ódio quando você comentou isso no twitter! Gente muito sem noção na vida…fico impressionada como tem gente que perde tempo querendo deixar os outros pra baixo!
    Mas depois fiquei pensando, enquanto esse povo deve estar com a vida ruim até (porque pra fazer isso só pode né?) você tá aqui vencendo suas dificuldades, superando obstáculos, cada dia mais doce e o sweetest bombando mais e mais!!!
    Realmente é chato mais tenta ignorar porque tem muito mais comentários bacanas do que essas bobagens né?
    Bjos!!!

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      08/11/2010 at 10:25 am

      Pois te juro que fiquei em choque, tipo COMOASSIM???
      Até entendo que as pessoas normais estranhem a voz de um deficiente auditivo, mas aí perder tempo pra deixar comentários assustadores é demais pra mim….rsrsrs!!
      beijos e obrigada pela força de sempre, Bia!!

      Responder

Escreva um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Iniciar conversa
Marque a sua consulta na Clínica Sonora