Menu
Crônicas da Surdez / Implante Coclear

Jornada do Implante Coclear, parte III

A data da minha cirurgia está marcada e confirmada: 28/09/2013. Transferimos para uma semana depois da data inicial. Meu nervosismo passou, agora é só ansiedade mesmo. Inclusive, não sei como as pessoas próximas andam me aguentando, porque virei uma floooor de estupidez. Tudo me irrita nesse momento. Qualquer frase mal colocada ou pergunta idiota faz meu sangue ferver. Aguardo ansiosamente por voltar ao normal depois de operada. Será que isso vai acontecer? Hahahahaha!! Oremos, pelo bem da humanidade. E pelo meu, porque não sei como não apanhei de alguém ainda. Me baixou um espírito de porco cínico, atrevido e desbocado. Tá tensa a coisa.

keepcalm

Legal é que a cirurgia vai ser a quatro mãos com o Dr. Luiz Lavinsky e a Dra. Michelle Lavinsky Wolff. Esse fato já me deixa tranquilíssima. Conheci também o anestesista, um querido, Dr. Ronaldo. Dou entrada no hospital sexta-feira de noite e me opero no sábado bem cedinho. Acho que ganho alta na segunda de manhã. Depois disso tenho que ficar uma semana em Porto Alegre pertinho dos meus médicos amados. Já a ativação, somente 45 dias depois. Serão longos 45 dias, com certeza. Mas já comprei uns vinte livros para preencher meu tempo e a cabeça, claro. Meu IC será o Nucleous 5. Me disseram que ele vem com pilhas recarregáveis mas, como não me adapto a elas (cansei de jogar fora sem querer as recarregáveis dos AASI) meu amigo Gilberto vai me trazer um estoque dos EUA. Detalhe: comprei 120 pilhas na Amazon por R$155. Se tivesse comprado no Brasil, sairiam por R$700. Como sou defunto ansiadíssimo, fiquei morrendo de vontade de comprar um Sistema FM também, mas acabei não tendo coragem – nem $$$.

De novidades, no momento, só isso. Tenho ouvido música feito uma doida via bluetooth nos AASI porque não sei como vai ser depois. Aliás, alguém sabe? Antes da ativação acho que nem vou querer ouvir, porque com um ouvido só já sei de antemão que não vou gostar. Mas e depois? Como é que vocês ouvem música com IC num ouvido e AASI no outro?

Paula Robocop is coming. Soon! 🙂

Sobre

Escrevo o Crônicas da Surdez desde 2010. Sou bacharel em Ciências Sociais pela UFSM, escritora e empresária. Moro no Rio de Janeiro e tenho 38 anos. Meu diagnóstico é de deficiência auditiva bilateral neurossensorial e progressiva. Tenho Implante Coclear nos dois ouvidos. Em 2013 lancei o livro Crônicas da Surdez (Ed. Plexus) e em 2015, Novas Crônicas da Surdez: epifanias do implante coclear (Ed. Plexus), que já foi traduzido para o inglês.

22 Comentários

  • Liana Mendonça
    20/09/2013 at 12:20 am

    Paula,

    Será que essa equipe maravilhosa que a está atendendo tem alguma informação sobre implante coclear em criança down?
    Minha filha Marcela aos 3 anos começou a perder a audição em função de otites de repetição e de muita secreção nas vias aéreas superiores. Hoje aos 8 anos, ela surda bilateral e usa aparelho em ambos ouvidos, inclusive sistema FM.
    É atendida em Bauru no Cedalvi, pois no Centrinho de lá só crianças até três anos são candidatas ao implante. Tentei pela Santa Casa em São Paulo com o Dr Neto, mas, como não foi possível fazer o bera para saber o quanto ela ouvia, na época, não foi possível torná-la candidata, pois, dependendo do momento ela consegue perceber os sons até sem os aparelhos. O problema é que ela está sempre com secreção o que atrapalha.
    Gostaria de saber sobre o assunto, pois, se for possível, quero que ela se candidate ao implante.
    Ela está no segundo ano e em processo de alfabetização, inclusive em Libras. Mas a surdez tem sido um empecilho no desenvolvimento dela.

    Grata

    Liana Mendonça
    Santarém Pará

    Responder
  • NAGILA
    19/09/2013 at 8:14 pm

    Boa noite,força o Senhor ta contigo!
    Minha filha foi implantada em 2010,ela esta se adaptando muito bem,de quatro em quatro meses ela faz o mapeamento e sai mto feliz com excelentes profissionais ,para quem nao escutava nada e uma grande coisa e ja ja quer fazer o outro lado!uma benção mesmo!
    Sobre pilhas?? no Nucleo 5 nao recomendo pois acaba logo so da para um dia e é mto caro! coprei o IC e veio com 2 baterias recarregavel, mto bom mesmo pois dura 3 dias e ela carrega como celular rs rs sempre que for dormir.
    Bom depois da sua recuperação poste aqui como vc esta se sentindo, e a recuperação e bem rapidinho.
    abraços,
    nagila.

    Responder
  • Maíra
    18/09/2013 at 2:01 pm

    Te juro! Me acabei de rir a ponto de sair lágrimas!!!
    Santo Deus!!!

    Responder
  • Cinara
    18/09/2013 at 12:03 pm

    Com relação a musica, fiquei pensando em várias formas deste que li o seu primeiro post sobre o processo do Implante.

    Queria pensar com carinho e saber em que posso te ajudar, como eu descobri a música aos 9 anos e pratiquei por uns bons 5 anos ou até mais. Fica um pouco difícil, pois você perdeu a audição já na fase adulta (certo?).

    Tenho uma pergunta: Por acaso seu AASI tem o T (Telebobina/Telecoil)? O IC que você vai usar também tem esta opção?
    Se sim, facilita muito (e como viu).

    Se não, eu posso lhe dar um bom conselho dentro do que aprendi ao longo dos anos que tive que REAPRENDER a ouvir (ninguém podia me ajudar, então o maximo que fiz foi me virar sozinha). Eu passava horas ouvindo a MESMA musica durante semanas, não mudava enquanto o meu treinamento nao tivesse 100% ou até 200%. Parece chato, mas o resultado renova a sua alma e Paula, quando você escuta a musica em um lugar barulhento sem dificuldades seu mundo muda. É um milagre!

    Eu sou uma pessoa hiperativa pra caramba, custei aprender a ter paciência em ouvir com calma cada som e melodia (São duas coisas separadas e você precisa ter MUITA atenção para sacar que tipo de melodia que é – Isso pra quem é musicista como eu). Lógico que QUASE fiquei louca com a calmaria que eu precisava ter.

    O nosso ouvido adapta a diferença de sons (como no seu caso vai ser um lado AASI e outro IC, o ouvido irá se adaptar).
    Eu sei que não vai ser fácil, mas não é impossível, alias nada é impossível!

    Quando mudei de aparelho, eu fiquei um pouco frustrada em ter muita dificuldades em ouvir a música e quase me deprimi, mas não queria desistir. Continuei persistindo e ignorando pensamentos ruins e funcionou, não durou nem 2 semanas que “voltei” a ouvir novamente.
    Não se preocupe, tudo dará certo com você 🙂
    Só não desistir e não deixar nada te abalar, a vida é bela e tem solução para tudo.

    E outro conselho: Não se desespere caso que você não consiga ouvir direito, tudo vai se ajeitar. Como eu tenho tanta certeza? No meu dicionário nao existe a palavra Negatividade e sei que você vai longe 🙂

    Responder
  • Denise de Salles
    18/09/2013 at 11:59 am

    Paula, eu sei como é essa ansiedade, e não na condição da deficiente, mas sim, da esposa de um (Antônio Diogo de Salles). No caso dele desde a surdez súbita e a cirurgia foram “apenas” 3 meses, mas muito complicados.
    Não se preocupe que sua família e seus amigos entendem esse período, afinal, acompanharam todo o seu trajeto, não é? E não pense que eles também não estão preocupados, eles só não demonstram para não agravar ainda mais a sua ansiedade.
    Uma dica (se é que eu posso dar alguma), é viver uma fase por vez, conforme forem acontecendo. Agora não se preocupe com o período antes da ativação do IC, como será apenas com o AASI, depois com a ativação, depois com a adaptação, se vai ouvir música, etc.
    Pensar em tudo junto, não funciona, aí você pira de vez 🙁
    Cada pessoa tem um resultado próprio.
    Por isso, agora foco na cirurgia, e toda vez que pensar nela, afaste o medo e tudo negativo, afinal, você brigou por ela e tem o privilégio de ter acesso tanto à cirurgia, quanto ao aparelho, enquanto muitos não tem.
    Por isso Paula, calma, relaxa, e como diz Walter Franco:
    “Tudo é uma questão de manter
    A mente quieta
    A espinha ereta
    E o coração tranquilo”
    Força querida, tudo dará super certo. Só tem que dar, com tanta gente aqui na torcida \O/\O/ torcendo e orando por você, já é garota!
    Beijos, Denise de Salles

    Responder
  • Daniela A.
    18/09/2013 at 10:31 am

    Viva, data marcada!!! \o/ \o/
    Mas que mulher doidinha, antes tava uma manteiga derretida, agora tá irritadiça!!! hahahaha Tudo resultado desse turbilhão de sentimentos pelos quais deve estar passando!!!!
    Que dê tudo certo na cirurgia e sua recuperação seja super rápida!!!
    Beijos!

    Responder
  • Caroline Bertoni
    18/09/2013 at 10:19 am

    Paula, conheci seu blog ontem, já devorei várias e várias páginas do seu blog e eu nunca percebi que eu não ” era a única ” quando se tratava da decorrências da minha perda auditiva severa bilateral e de como isso mudou ( muito ) a minha vida.

    Torço para que tudo dê certo na sua cirurgia ( e vai dar ) e que me conte tudinho como é sua nova vida sendo cyborg. rs Hoje entrei em contato com a minha fono para uma nova tentativa falha de regulagem no meu segundo aparelho.

    Falei com ela hoje da possibilidade de fazer um IC, e que bom saber que ela me recomendou tentar o mesmo ! Claro que ela disse que o som não seria muito natural, que não ia ficar 100%, mas eu sinceramente não tenho nada a perder. Cada dia eu fico mais próxima da surdez total e eu não quero viver no silêncio, Deus, eu AMO Elvis Presley. Como faço para viver num mundo sem som ? Sem ouvir meus pais, meu irmão, o mundo ?

    Toda a sorte do mundo para você, e pra mim, também, que espero conseguir chegar nessa etapa um dia.

    Um grande beijo, continue escrevendo.

    Responder
  • Thais C. K.
    18/09/2013 at 9:20 am

    Sobre as pilhas… eu acho um absurdo o que é cobrado por elas aquo no Brasil… já não temos nenhum tipo de ajuda, nem sequer podemos declarar os AASI no IR para obter restituição, pq acham que não somos deficientes, então próteses auditivas são um LUXO… ai cobram preços exorbitantes nas tais pilhas… é de ficar revoltado… Tem gente que diz “ah, mas são só X reais por mes”… mas podia ser muito menos e isso é revoltante…
    Como vc fez pra comprar na Amazon??? O meu ultimo lote tá acabando e no Ebay (onde comprei da ultima vez) to achando caro…
    Abraços

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      18/09/2013 at 10:18 am

      Thais, a amazon é tão facil quanto o Ebay de comprar…acho que é a mesma coisa. Paguei com PayPal.
      bjo

      Responder
  • Andrea Cristiane
    18/09/2013 at 9:04 am

    Sou implantada e sei como esta se sentindo, mas fique tranqüila tenho certeza q td dará certo!!!!! Pelo menos pra mim as coisas nao “voltaram” ao normal, mas fazendo uma comparação Pre e pos implante minha vida melhorou muito mesmo….
    Tenha calma e fé e muuuuuuuuuita paciência! Estaremos sempre aqui pra te apoiar, conte conosco
    Fique com Deus,bjs

    Responder
  • vania medeirosdias
    17/09/2013 at 10:18 pm

    Olá!
    Fé em DEUS, tudo vai dar certo.Não se preocupe com a ansiedade,faz parte. Além do mais,a familia te ama e te entende,essa fase vai passar.Quanto a ouvir música com o IC,é tri! Eu só uso o IC, AASI nem é necessário p/mim.Claaaaarooo que cada caso é um caso.Força querida,tudo é uma questão de tempo agora. Eu sou deficiente auditiva há muito tempo (desde a infância,segundo minha irmã diz)e implantada há um ano e cinco meses e ansiedade é algo que é inerente a minha pessoa, nem sou a mais indicada para te aconselhar e te dizer: “se acalme”, kkkkkkkkkkkkkkkk. bjo

    Responder
  • Aline Maggio
    17/09/2013 at 7:31 pm

    Ainda bem que no meu caso levo os exames pra médica e ela analisa junto com os outros médicos e já ligam marcando retorno e cirurgia se eu estiver dentro dos critérios deles rsrsrsrsr mas só queria saber quanto tempo depois posso trabalhar depois da cirurgia.

    Responder
    • Crônicas da Surdez
      18/09/2013 at 10:44 am

      Aline, eu vou tirar licença médica, pois trabalho atendendo o público e não vai rolar de fazer isso sem ouvir nada num ouvido e ouvindo quase nada no outro.
      Bjo,

      Responder
      • Aline Maggio
        18/09/2013 at 11:44 am

        IIIIIIIIIIIIIupiiiiiiiiiii a Paula me respondeu rsrsrrssr quase solto fogos de artifícios aqui rs a vantagem é que não vou ouvir rsrsrsrrsrs… Então verei com a minha médica sobre isso pois vou começar a trabalhar e não sei direito sobre isso mas no meu caso não vou ficar com o publico e qualquer coisa acho que dá pra mudar a função verei e boa sorte pra nós. Cuidado com os chocolates e e pra não bater em ninguém nessa face srrsrsrsrsrrsrs

        Responder
  • mirian
    17/09/2013 at 7:06 pm

    Em suas ultimas postagens eu senti sua tensão e pensei, a cirurgia tá chegando… e tentei me colocar no seu lugar e acho que já teria pirado!! Oremos sim, oremos em gratidão a Deus por proporcionar esta grande possibilidade pra você! Estamos aqui, pode falar que nós escutamos, pode chorar que nós enxugamos, mas, gostoso mesmo é gargalhar contigo kkk Bjs linda!

    Responder
  • Cristiane
    17/09/2013 at 6:20 pm

    Oi, Paula!
    RESIGNAÇÃO É TUDO!
    Fé e confiança em Deus, você já tem! Proteção Divina, também, pois Ele te colocou nas mãos de excelentes profissionais!
    Pode contar sempre com apoio familiar, torcidas, orações, boas vibrações de TODOS que te conhecem, virtual ou fisicamente.
    Tente não contar os dias e nem as horas…
    Viva, simplesmente viva de forma resignada, cada segundo desse momento de interiorização pessoal…
    Sinta essa energia que conspira a seu favor e que Deus continue trazendo muitas bênçãos pra você! Bjus

    Responder

Escreva um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.