Menu
Relatos de Pessoas com Deficiência Auditiva / Surdez / Surdos Que Ouvem

Surdez neurosensorial: a história do Alexsandro

surdez neurosensorial

Meu nome é Alexsandro Machado. Tenho surdez neurossensorial bilateral, de grau moderada/severa de causa desconhecida. Meus pais perceberam que eu tinha um problema auditivo quando, aos aproximadamente 5 anos de idade, eu recebia ligações de familiares e passava o telefone para que as outras pessoas “ouvissem para mim” o que estava sendo dito.

Eu vivi toda a infância, adolescência e início da fase adulta sem o uso de nenhuma tecnologia que me auxiliasse a ter uma vida melhor. Tive uma experiência quando tinha aproximadamente 8 anos, naquele tempo meus pais conseguiram um par de aparelhos auditivos intra auriculares, através do SUS e eu fiz a adaptação.

Mas depois de algumas semanas de uso, os aparelhos apresentaram problema, foram para o conserto e acabaram não retornando mais… Como a tecnologia naquela época era ainda muito inferior, minha experiência foi um pouco traumática e eu não queria mais usar aparelhos que apenas amplificavam todos os sons, tinha a impressão que iria enlouquecer.

Encarei a vida do meu jeito, sem aceitar a minha deficiência auditiva.

Desenvolvi naturalmente a habilidade de entender as coisas que ouvia pelo contexto e/ou leitura labial. Assim terminei o ensino fundamental, médio e, posteriormente, parte de um curso técnico e um curso inteiro de graduação.

Neste tempo, percebi que tinha certa habilidade com os estudos e resolvi tentar concursos públicos, sendo aprovado e convocado já no primeiro que fiz (sem o uso de cotas). Nos anos seguintes, ainda sem o uso das cotas, passei e fui convocado em mais 2 concursos. Após as cotas, consegui de novo e fui convocado em mais quatro!

Na faculdade eu comecei a me conscientizar da minha surdez e a sentir mais dificuldades para estudar. Quando me formei e fui chamado em um concurso que me deu melhores condições financeiras, pude procurar recursos tecnológicos que me ajudassem, e fiquei muito feliz ao realizar testes e ver que a tecnologia havia evoluído exponencialmente.

Hoje utilizo aparelhos auditivos modelo intracanal com muita naturalidade e, às vezes, nem lembro que estou usando.

Faço aulas de piano e inglês, este último era impossível antes dos aparelhos. Minha maior alegria foi ouvir novamente minhas músicas preferidas e descobrir que elas possuem muito mais sons do que eu pensava ou ouvia.

Poder ouvir o som da chuva, as chaves caindo ou batendo umas nas outras também é muito bom. O Som do mar é apaixonante, desde que não tenha muito vento na praia, é claro (risos).

Foi durante as consultas com a fonoaudióloga que ela, depois de ouvir meus relatos, me fez enxergar todas as dificuldades que eu venci durante toda a vida.

Mesmo sem ouvir direito, eu quase não tive a fala prejudicada, conseguia me destacar nos estudos, consegui me formar em uma graduação, entre outras coisas. Acho que, parafraseando aquele texto famoso, “Não sabendo que era impossível, eu fui lá e fiz, vivi e ouvi!”

Veja o Alexsandro no vídeo

Grupo SURDOS QUE OUVEM

Você se sente sozinho? Solitário? Não tem com quem conversar sobre a sua surdez? Gostaria de tirar mil dúvidas sobre os seus aparelhos auditivos? Gostaria de conversar com pessoas que já usam implante coclear há bastante tempo? Precisa de indicação de otorrino especializado em surdez e fonoaudiólogo de confiança?

Somos 22.000 pessoas com algum grau de deficiência auditiva no Grupo SURDOS QUE OUVEM. Para ganhar acesso a ele, basta se tornar Apoiador Mensal do Crônicas da Surdez a partir de R$5.







NOSSAS REDES SOCIAIS

LIVROS CRÔNICAS DA SURDEZ

Neste link você encontra os seguintes livros:

About Author

Paula Pfeifer é uma surda que ouve com dois implantes cocleares. Ela é autora dos livros Crônicas da Surdez, Novas Crônicas da Surdez e Saia do Armário da Surdez e lidera a maior comunidade digital do Brasil de pessoas com perda auditiva que são usuárias de próteses auditivas.

No Comments

    Leave a Reply

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
    Iniciar conversa
    Clube dos Surdos Que Ouvem
    Grupo SURDOS QUE OUVEM